Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

VÍDEO: Remo perde em casa para a Ponte Preta e aumenta jejum de vitórias na Série B

Macaca vence por 1 a 0 e "queima" mais gordura do Remo com relação à zona de rebaixamento. Distância é de seis pontos.

Pedro Cruz / O Liberal

Para a Ponte, a tarde foi de alívo. Ao Remo, o aumento de uma sequência de jogos sem vencer na Série B. Neste domingo, sob forte calor, a Macaca levou a melhor sobre o Leão e venceu por 1 a 0, gol de Marcos Júnior aos 14 minutos do primeiro tempo.

Assista aos principais lances do jogo:

A derrota faz com que os azulinos cheguem a cinco jogos sem vencer na Segundona, com a gordura da zona de rebaixamento cada vez mais "queimada". O Remo segue com 38 pontos e na 13ª colocação, seis pontos à frente do Londrina, o primeiro time do Z4. A Ponte chega aos 37 e sobe para 15º.

VIDEO: Torcedores do Remo protestam contra Gedoz e Victor Andrade e recebem spray de pimenta Situação ocorreu logo após o fim da partida contra a Ponte Preta, no Baenão, enquanto jogadores do Leão desciam aos vestiários

Alvo de críticas da torcida, Gedoz posta mensagem de superação: 'Jamais vou desistir' Ao lado de Victor Andrade, meia tem sido muito cobrado por torcedores do Remo por melhor desempenho nos jogos da Série B

O próximo compromisso do Leão é contra o Cruzeiro, em Belo Horizonte. A partida será na quinta-feira (28), no Independência. A Ponte Preta recebe o Vitória, no Moisés Lucarelli, sábado que vem.

.VEJA COMO FOI O JOGO LANCE A LANCE

O jogo

O calor intenso no começo da partida não intimidou a Ponte Preta. A equipe do interior de São Paulo colocou intensidade e apostou nos contra-ataques. E, na primeira chegada com perigo, abriu o placar.

A jogada começou com Rafael Santos, que invadiu a área pela esquerda de chutou forte. Thiago Coelho conseguiu fazer a defesa, mas o rebote ficou com Marcos Junior, camisa 15 da Ponte, que não desperdiçou: 1 a 0.

A partir daí só deu Remo. Empurrado pelo Fenõmeno Azul, o Leão pressitnou e forçou o goleiro Ivan a fazer várias defesas difíceis. Primeiro com Victor Andrade, aos 20; depois com Gedoz, aos 22 e 23.

Susto

Mesmo acuada, a Macaca quase ampliou a vantagem aos 34, em cobrança de falta. Thiago Coelho "bateu roupa" na área e em seguida cometeu falta em Rafael Santos. O árbitro chegou a marcar o pênalti, mas o VAR entrou em ação e avisou que houve impedimento na jogada anterior da Ponte, salvando os azulinos.

Gol anulado

Antes do fim da primeira etapa, o Remo enfim balançou as redes. Artur aproveitou espalmada do goleiro Ivan aos 45 e mandou para dentro. Na checagem do árbitro de vídeo, porém, foi constatado que o volante estava em posição irregular no início da jogada. Ainda nos acréscimos, Thiago Coelho fez duas defesas milagrosas.

Sem gás

Se geralmente o Remo volta mais aceso depois da conversa com o técnico no vestiário, isso não aconteceu neste domingo. Foi a Ponte Preta que criou mais oportunidades e atuou de maneira envolvente, dando muito trabalho a Thiago Coelho.

O substituto de Vinícius estava em tarde inspirada, ao contrário do setor ofensivo. Victor Andrade saiu de campo vaiado ao ser substituído. Neto Pessôa também pouco conseguiu produzir enquanto esteve em campo, assim como Marcos Júnior, que em outros momentos foi o desafogo azulino.

Ineficiente

Nos últimos 15 minutos do jogo a Ponte recuou e o Remo se manteve com bastante posse de bola. Pouco criativo, o time ficou refém de bolas alçadas na área, jogada que foi bem anulada pela defesa campineira, que assegurou a vitória longe de casa.

Com jejum de cinco jogos, técnico do Remo repensa modelo de jogo: 'Reflexão que temos que fazer' Felipe Conceição revela, em entrevista coletiva após derrota para a Ponte Preta, que prioridade é garantir permanência e, depois, pensar em um futebol mais atraente

Confira os resultados dos principais jogos deste domingo (24/10) Dia foi de bola rolando nas quatros principais divisões do Campeonato Brasileiro

FICHA TÉCNICA

Remo x Ponte Preta
31ª rodada da Série B

Remo: Thiago Coelho; Thiago Ennes, Rafael Jansen, Marlon (Matheus Oliveira) e Raimar; Marcos Jr (Uchôa), Arthur (Lucas Siqueira) e Felipe Gedoz; Lucas Tocantins, Neto Pessôa (Wallace) e Victor Andrade (Jefferson). Técnico: Felipe Conceição.

Ponte Preta: Ivan; Kevin, Fábio Sanches, Rayan e Rafael Santos (M. Hermes); Yago Henrique (Andre Luiz), Marcos Junior (Thalles) e Léo Naldi (Lucas Cândido); Richard (Iago), Moisés e Rodrigão. Técnico: Gilson Kleina

Local: Baenão – Belém (PA)
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)
Árbitro Assistente 1: Ricardo Júnio de Souza (MG)
Árbitro Assistente 2: Celso Luiz da Silva (MG)
Quarto Árbitro: Djonaltan Costa de Araújo (PA)
Árbitro de Vídeo: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Gol: Marcos Junior, 14/1T.

Cartões amarelos: Rafael Jansen, Uchôa (REM) / Ivan, Fábio Sanches e Richard (PON).

 

 

 

Remo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM REMO

MAIS LIDAS EM ESPORTES