Herói da conquista da Copa Verde, João Vieira aguarda renovação e se diz realizado no Paysandu; veja

O volante de 25 anos foi peça chave no título da Copa Verde e aguarda uma possível renovação para seguir nos braços da Fiel Bicolor

Luiz Guilherme Ramos
fonte

O tricampeonato da Copa Verde ainda reluz pelos lados da Curuzu. No apagar das luzes do calendário esportivo nacional, em virtude da Copa do Mundo, o Paysandu conseguiu erguer uma taça importante, graças ao talento que conduziu os pés de João Vieira no rumo certo, para garantir o empate que definiu a cobrança pênaltis, aos 49 minutos do segundo tempo, quando o time perdia por 1 a 0 para o Vila Nova. 

Whatsapp: saiba tudo sobre o Paysandu. Recêêêba!

O volante de 25 anos chegou ao Paysandu em abril deste ano, como reforço para a Série C. Depois de um campeonato discreto, igual ao clube, que acabou eliminado na segunda fase, João entrou na Copa Verde como tendo nela a última oportunidade de conquistar algo na temporada. Queriam os deuses da bola que justamente no encerramento da temporada, o atleta bicolor brilhasse na decisão da Copa Verde e fosse a peça chave para o título. 

João disputou 26 jogos com a camisa azul celeste e marcou dois gols. Mesmo com os números não muito atrativos, o jogador caiu nas graças da torcida, que tem pedido a renovação do empréstimo junto ao Serra Macaense-RJ, que detém os direitos econômicos do atleta e parece ter sinalizado positivamente à proposta bicolor de compra de 60% dos direitos econômicos e federativos do atleta, até o final de 2024. 

SAIBA MAIS

image Após título da Copa Verde, Paysandu informa saídas de dois atacantes do elenco
Papão não contará com os atletas Danrlei e Batista para 2023


image Pelas redes sociais, meia se despede do Paysandu; destino deve ser o Ituano-SP
No Papão, José Aldo disputou 50 partidas e marcou cinco gols, além de ganhar o título da Copa Verde, em cima do Vila Nova-GO


image Atacante paraense Danrlei, ex-Paysandu, é anunciado na Chapecoense para a temporada 2023
Jogador estava há duas temporadas defendendo o Papão e assinou com Chapecoense até novembro de 2023


 

Após o título, o Núcleo de Esportes de O Liberal conversou com o atleta, que tem aproveitado o bom momento na carreira. Confira:  

O que representa a conquista da Copa Verde na sua carreira?

R - Representa muito, é o primeiro título de expressão na minha carreira, então vai ficar pra sempre marcado.

Em 2022 você fez 26 jogos e marcou dois gols, justamente em uma final de campeonato. O que você sentiu no momento do gol?

R - Na verdade, o sentimento foi de alegria, sem acreditar muito no que eu tinha feito, e até hoje a ficha ainda não caiu de tudo que aconteceu. 

Você já mantinha uma rotina de treinos com bola parada? 

R - Sim, e na verdade quem influenciou muito nesses treinamentos foi o próprio Ricardinho ele teve uma função fundamental pra gente desde que voltou aos treinamentos.

Como você faz para manter a frieza diante de um lance tão decisivo? Existe um trabalho mental?

R - Existe, eu faço um acompanhamento com psicólogo esportivo que tem me ajudado muito e nós vínhamos trabalhando exatamente esses lances específicos na minha mente pra que eu buscasse fazer. 

O que mudou do João Vieira da Série C para a Copa Verde?

R - Fui um João Vieira mais decisivo, busquei participar mais e ajudar com assistências e gols. 

Teve outros momentos marcantes na sua carreira semelhantes a esta conquista?

R - Não, eu vivi coisas muito bonitas principalmente na categoria de base, mas igual eu vivi nessa copa verde foi a primeira vez

Quais as suas expectativas para 2023? Pretende permanecer no clube? Como estão as conversas com o presidente, que tenta a reeleição?

R - Expectativas são as melhores, pretendo sim permanecer no Paysandu, as conversas estão bem adiantadas, meu representante e o Paysandu estão cuidando da melhor forma para ficar bom tanto para mim quanto para o clube.

Depois da conquista da Copa Verde você tem sido muito citado pela torcida e pela imprensa esportiva. Como está sua relação com outros clubes? Tem proposta?

R - Tive algumas sondagens de outras equipes, mas minha prioridade é permanecer no Paysandu. Quero continuar fazendo história nesse clube

Tem algum outro objetivo com o Paysandu?

R - Quero conquistar tudo que for possível, mas acho que o objetivo maior é o acesso à série B com certeza.

Qual o recado que você deixa para a torcida bicolor?

R - Primeiramente agradecer a fiel pelo apoio, carinho e suporte desse ano difícil que foi para todos, mas no final deu tudo certo. E que comemorem muito porque eles merecem demais essa conquista.

Paysandu
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES