CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Com 3 títulos pelo Paysandu, técnico dá pausa na carreira e assume outra função no futebol

O treinador informou que assumirá um cargo de diretor técnico em um grupo que comanda a SAF do Londrina-PR e outros clubes

Fábio Will
fonte

O técnico Dado Cavalcanti, comando o Paysandu e que foi auxiliar de Fernando Diniz na Seleção Brasileira, anunciou em sua rede social que dará uma pausa na carreira como treinador de futebol. Dado informou ainda que parte para um novo desafio na carreira e assumirá um cargo extracampo em um grupo que comanda a SAF do Londrina-PR, clube que está na Série C do Campeonato Brasileiro e será adversário do Remo.

ASSISTA

Dado Cavalcanti estará à frente do projeto “Squadra Sports”, uma plataforma de negócios ligados ao futebol, que possui como principal agente Guilherme Bellintani, que já presidente do Bahia-BA e que é dono da SAF do Londrina-PR, clube tradicional do futebol brasileiro, onde detém 90% dos direitos da SAF do Tubarão. Além disso, Bellintani é um dos administradores do Ypiranga-BA.

“Recebi um convite que me provocou uma profunda reflexão sobre tudo o que vivi na minha vida profissional, e sem dúvida esse convite veio pela experiência adquirida nesses anos”, disse Dado em um vídeo.

VEJA MAIS

image Ex-Paysandu, Dado Cavalcanti será auxiliar técnico em jogo do Brasil em Belém
O treinador pernambucano, rebaixado recentemente à Série D com o América-RN, vai integrar a comissão rotativa de Fernando Diniz, nos jogos contra a Bolívia, em Belém, e Peru, na casa do adversário

image Dado Cavalcanti na Seleção era o sonho de Coronel Nunes, ex-presidente da CBF
Na época, Dado comandava o Paysandu e Nunes era postulante à vice-presidente da CBF

image Em postagem nas redes, ex-Paysandu se despede da Seleção Brasileira e agradece; confira
Com a demissão de Diniz do cargo de treinador interino, o auxiliar Dado Cavalcanti também não fará mais parte da comissão técnica da Amarelinha.

O ex-técnico do Paysandu deu detalhes sobre a nova jornada. Aos 42 anos, o Dado Cavalcanti tentará ser um elo entre as comissões técnicas tanto das equipes profissionais, quanto das categorias de base que fazem parte do grupo Squadra. Dado ficará com a função de diretor técnico pelos próximos três anos.

“Serei responsável por aproximar os clubes geridos pela Squadra, as comissões técnicas e uma padronização de trabalho nas divisões de base”, falou.

image Dado na sua primeira passagem pelo Paysandu (Fernando Torres / Paysandu)

Dado teve passagens pelo Paysandu, conquistou um título do Parazão em 2016, além de ser bicampeão da Copa Verde com o clube paraense, conquistando os títulos de 2016 e 2018. Além do Papão, Dado comandou vários clubes tradicionais do país, como Paraná-PR, Coritiba-PR, Ponte Preta-SP, Náutico-PE, CRB-AL, Bahia-BA, além de Vila Nova-GO, América-RN e Portuguesa-SP, último clube que trabalhou.

image Dado Cavalcanti como auxiliar técnico da Seleção Brasileira, no jogo contra a Bolívia, em Belém (Igor Mota / O Liberal)

Na Seleção Brasileira, Dado exerceu o cargo de auxiliar técnico do então treinador do Brasil Fernando Diniz, porém, com os resultados ruins da Seleção nas Eliminatórias da Copa do Mundo, Diniz acabou demitido pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que colocou Dorival Júnior, para assumir o comando da Amarelinha. Com a saída de Diniz, Dado acabou deixando a Seleção por tabela.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Paysandu
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES