Tuna inscreve 30 remadores na primeira regata do Campeonato Paraense

Lusa ganhou seu último título no ano de 2009

Braz Chucre

A Tuna, nos últimos anos de competição, tem sido apenas figurante nos campeonatos de remo. O último campeonato da Lusa foi há 11 anos, em 2009. No entanto, o clube da cruz de malta segue como o maior vencedor da regata paraense, com 39 títulos.

No dia 1º de março, será realizada a primeira regata do campeonato de remo de 2020, com a Tuna participando com 30 remadores distribuídos em seis barcos. O número de guarnições e de atletas é recorde em relação aos campeonatos anteriores em que competia com um barco ou dois.

O diretor de remo do clube tunante, João Bosco, afirmou que há a intenção de recuperar a garagem náutica do clube. “Estamos na batalha. A Tuna, a partir deste ano, começa nova etapa no remo paraense. Na primeira regata, já vamos com seis barcos, uma vitória pra quem competia com um ou dois. Ainda não dá pra ganhar do Remo e Paysandu que estarão nos doze páreos, mas é um avanço para o nosso clube”, detalha.

A regata de abertura do campeonato paraense será dirigida pela diretora de arbitragem da CBR [ Confederação Brasileira de Remo], Magali Moreira.

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES