Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Na semi da PFL, Larissa Pacheco projeta final contra kayla Harrison: ‘Me vejo saindo com a vitória'

Paraense ainda terá que passar pela ucraniana Olena Kolesnyk antes da final, que vale 1 milhão de dólares

Aila Beatriz Inete

A paraense Larissa Pacheco terminou a primeira fase da PFL (Professional Fighters League) em primeiro lugar da categoria peso-leve(até 70 kg) feminino. A lutadora finalizou  suas lutas com nocautes no primeiro round e isso rendeu a ela 12 pontos. Agora, ela se prepara para os playoffs. 

Whatsapp: Gosta de apostas? Receba notícias e conteúdos exclusivos sobre futebol, NBA e loterias. É grátis!

Larissa teve apresentações muito dominantes dentro do octógono. Na primeira luta, a paraense venceu cazaque Zamzagul Fayzallanova com um nocaute fulminante. Contra Genah Fabian, Pacheco repetiu o bom desempenho e nocauteou a adversária também no primeiro round. Para a atleta, essas performances já eram esperadas. 

“A gente trabalhou muito para que pudéssemos chegar aqui e fazer as lutas de maneira impecável. Não que não possamos errar, mas trabalhamos para dar 100%. Então, eu esperava que o resultado não fosse menos que isso”, declarou Larissa. 

VEJA MAIS 

Paraense Larissa Pacheco nocauteia adversária e avança às semis da PFL; vídeo
Natural de Marituba, lutadora se aproximou ainda mais do prêmio de um milhão de doláres

Paraense Larissa Pacheco vence por nocaute e segue na briga pelo cinturão do PFL; vídeo
Com menos de dois minutos de luta, brasileira venceu Zamzagul Fayzallanova, no Texas, nos Estados Unidos.

Antes de chegar à tão sonhada final, Larissa vai enfrentar Olena Kolesnyk, da Ucrânia, quarta colocada na classificação geral. A paraense lutou contra o ucraniana ano passado e aplicou um belo nocaute, que ficou entre os 10 melhores da PFL. 

Larissa bateu na trave duas vezes nas outras temporadas. Em 2019 foi vice-campeã, depois de ter perdido na final para a norte-americana Kayla Harrison - que é sua principal adversária na organização. Já em 2021, Pacheco não bateu o peso nas semifinais e foi eliminada. 

Desta vez, bem fisicamente e mentalmente, Larissa é a favorita para o título da PFL e para conquistar o prêmio de 1 milhão de dólares. E a principal aposta é que a paraense volte a enfrentar, na final, Kayla Harrison

Como Pacheco já enfrentou a norte-americana duas vezes, ela já conhece bem o jogo de Kayla, que é baseado na luta de chão, com base no judô. Larissa acredita que agora está mais preparada e sabe qual a melhor estratégia para destronar Harrison. 

VEJA MAIS 

Em busca do milhão! Paraense Larissa Pacheco luta nesta sexta-feira (6) na PFL
Primeiro confronto  será contra a Zamzagul Fayzallanova, no Texas, nos Estados Unidos

Paraense Larissa Pacheco inicia temporada na PFL e foca em Kayla Harrison: ‘Eu quero ela’
Lutadora estreia no evento no dia 6 de maio contra Zamzagui Fayallonova, do Cazaquistão

“Eu venho treinando muito, tanto a parte de queda quanto a trocação. A minha preparação física está muito boa, juntamente com o jiu-jitsu, grappling e wrestling. Meu jogo está muito completo e, cada vez mais, estou mais segura. Eu vejo que vai ser um grande combate, a gente já sabe os pontos dela e eu me vejo saindo com a vitória”, afirmou a paraense. 

Mesmo sendo a favorita e com muita expectativa em cima, Pacheco disse que não está colocando pressão em si. 

"Nós trabalhamos para vencer uma luta de cada vez. O torneio é uma coisa incrível, vai mudar a minha vida. Tem uma pressão deles [organização], mas eu não estou levando isso para casa e estou fazendo as coisas no meu tempo”, concluiu Larissa.

(Aila Beatriz Inete, estagiária, sob supervisão de Pedro Cruz, coordenador do Núcleo de Esportes)

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES