Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Fórmula 1: Sprint Race, situação do campeonato e como as equipes chegam para o GP da Áustria

Em casa, Red Bull segue sendo a favorita, mas também é a chance da Ferrari se recuperar e voltar para a briga pelo título

Aila Beatriz Inete

A temporada 2022 da Fórmula 1 chega na sua metade do campeonato no GP da Áustria. O circuito de Spielberg, o Red Bull Ring, casa dos taurinos, será palco da segunda sprint race do ano e é o cenário ideal para que a Red Bull e Max Verstappen confirmem o seu favoritismo. Neste final de semana, um único piloto pode ganhar 34 pontos. 

Circuito 

O circuito Red Bull Ring é relativamente curto, com 4.318 m, com apenas 10 curvas. Na corrida, serão 71 voltas. Para a prova, a previsão é de chuva. 

Sprint Race

Desde a temporada passada, a Fórmula 1 começou a testar um jeito diferente de fazer a classificação para as provas. Em alguns circuitos, ocorre a sprint race, que como o nome já diz, é uma corrida mais curta, normalmente com 20 ou 24 voltas. Diferentemente de 2021, este ano, o vencedor da prova ganhará oito pontos e os oito primeiros pontuam. 

Assim, com o campeonato, de certa forma, mais competitivo, todos os pontos são muito importantes para os pilotos. Na sexta-feira (8), ocorreu a classificação para a sprint. Max Verstappen, da Red Bull, ficou com a pole, seguido por Charles Leclerc e Carlos Sainz da Ferrari. A grande decepção do dia foi a Mercedes, que teve Lewis Hamilton (que largará em 10º) e George Russell (que conseguiu uma volta boa e ficou em 5º) batendo. 

Como as equipes chegam 

Red Bull

Apesar de não ter vencido em Silverstone, a Red Bull vai correr em casa e com os melhores carros. A equipe austríaca ainda tem que se preocupar com a falta de confiabilidade do RB18, já que o time tem sofrido desde o início da temporada com as quebras de motores e perda de potência. No entanto, Max Verstappen, líder do campeonato, segue sendo o favorito e dominou o treino livre 1 e a qualy para a sprint race. 

Ferrari

O GP da Áustria é a chance da Ferrari se recuperar e colocar, de fato, os seus pilotos na briga pelo campeonato. Porém, muito mais do que os problemas com motores ou desenvolvimento dos carros, a equipe italiana tem uma dificuldade maior: desenvolver boas estratégias. 

Desde o início da temporada a equipe vem se complicando por causa de decisões erradas. Por exemplo, em Silverstone, Charles Leclerc perdeu a corrida e nem sequer ficou no pódio porque o time não o chamou para trocar os pneus. Carlos Sainz trocou os compostos e ficou mais confortável para brigar pela posição depois do safety car. 

Com isso, o clima não ficou muito bom entre Leclerc, que era um dos favoritos ao título deste ano, e a equipe. Assim, a grande questão desse final de semana é como a Ferrari vai se comportar, porque carro bom o time tem para brigar pelo campeonato. 

Mercedes

A Mercedes foi com um pacote de atualizações para Silverstone que deu muito certo. Lewis Hamilton conseguiu um terceiro lugar e ficou satisfeito com o resultado. A equipe alemã quase não apresentou quiques e chegou na Áustria confiante de que o final de semana ia ser bom. 

No entanto, após saírem bem no treino livre 1, na qualificação para a sprint ambos os pilotos do time bateram e esfriaram a euforia da equipe. Ou seja, o final de semana será de recuperação, especialmente para Hamilton que tentará ficar entre os 5 primeiros na sprint race para largar bem no domingo. 

Outros 

No treino livre 1, Lando Norris, da McLaren, teve um problema no motor [Mercedes] e teve de trocá-lo. Apesar disso, o inglês não será punido porque a troca foi por um antigo e não novo. 

Já Valtteri Bottas, da Alfa Romeo, largará em último na corrida do domingo. O finalandês também teve problemas no motor [Ferrari] e decidiu trocar por um novo, que dá a punição. Ou seja, no domingo, o piloto largará da última posição. 

Agenda 

Neste sábado (9), ocorre o treino livre 2, a partir das 7h. Já às 11h30 começa a sprint race, que definirá o grid de largada para a corrida do domingo (10), que inicia às 10h. 

Classificação dos pilotos 

  1. M. Verstappen - Red Bull - 181
  2.  S. Perez - Red Bull - 147
  3. C. Leclerc - Ferrari - 138
  4. C. Sainz Jr. - Ferrari - 127
  5. G. Russell - Mercedes - 111
  6. L. Hamilton - Mercedes - 93
  7. L. Norris - McLaren - 58
  8. V. Bottas - Alfa Romeo - 46
  9. E. Ocon - Alpine - 39
  10. F. Alonso - Alpine - 28
  11. P. Gasly - AlphaTauri - 16
  12. K. Magnussen - Haas - 16
  13. D. Ricciardo - McLaren - 15
  14. S. Vettel - Aston Martin - 13
  15. Y. Tsunoda - AlphaTauri - 11
  16. G. Zhou - Alfa Romeo - 5
  17. M. Schumacher - Haas - 4
  18. A. Albon - Williams - 3
  19. L. Stroll - Aston Martin - 3
  20. N. Latifi - Williams - 0
  21. N. Hulkenberg - Aston Martin - 0

 

Equipes

  1. Red Bull - 328
  2. Ferrari - 265
  3. Mercedes - 204
  4. McLaren - 73
  5. Alpine - 67
  6. Alfa Romeo - 51      
  7. AlphaTauri - 27      
  8. Haas - 20
  9. Aston Martin - 18
  10. Williams - 3
Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES