Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Vanessa da Mata canta 'Sinhá Pureza' em festival

A cantora mato-grossense girou no palco com vestido rodado, feito dançarina de carimbó, empolgando o público de Altamira.

O Liberal

 Vanessa da Mata fez o show de encerramento do VII Festival Canção da Transamazônica (Fecant), em Altamira, região do Xingu. A cantora e compositora subiu ao palco no início da madrugada deste domingo, 21, logo após a apresentação dos candidatos que concorriam aos prêmios. Ela surpreendeu a plateia ao cantar e dançar semelhante a uma dançarina de carimbó o clássico paraense “Sinhá Pureza”, de Pinduca.

A música tradicional do Rei do Carimbó surgiu entre o repertório da cantora, que ca ntou sucessos da carreira, como “Não me deixe só”, “Amado” e “Ai, Ai, Ai”, e também músicas do recente álbum “Quando deixamos nossos beijos na esquina”, vencedor de disco de platina. 

Vanessa da Mata em Altamira

Assista o show na íntegra:

“Conheci um disco do Pinduca com um tio", disse, inicialmente. Ela disse que aprendeu músicas de Belém e do Pará com um amigo paraense. 

Vanessa da Mata usava um longo vestido vermelho rodado, com o qual ela deu vários giros no palco de forma semelhante como fazem as dançarinas de carimbó. A plateia se entusiasmou e cantou e dançou junto com a artista.

Leia também: Música 'Meu Zambelê', de Maceió, vence a etapa nacional do VII Fecant

Vanessa foi acompanhada pela banda base do festival, que tinha Davi Amorim na guitarra e na direção musical, Wesley Jardim no baixo, Márcio Jardim na percussão, Nego Jo no trombone e Wellington Ventura nos teclados. Ela fez questão de exaltar o talento dos músicos paraenses.

No dia do show em Altamira, OLiberal.com publicou entrevista exclusiva com Vanessa da Mata.

Palavras-chave

Música
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MÚSICA

MAIS LIDAS EM CULTURA