Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Álbum '2020', de Bon Jovi, aborda pandemia, raça e polícia sem tomar partido

'O que importa é que você fale. E é isso que um artista deve fazer', afirmou

Reuters

WASHINGTON - Jon Bon Jovi tocou em várias feridas sociais dos Estados Unidos em "2020", seu 15º disco de estúdio - a pandemia de coronavírus, as relações raciais e a violência policial -, mas diz estar fazendo perguntas, e não escolhendo lados.

Ouça 2020

"Digo que é tópico, ao invés de político... eu não tomar partido", disse ele à Reuters TV, mas acrescentando: "Tentei me considerar uma testemunha da história. E se eu estava só testemunhando a história, podia registrar os fatos e talvez fazer uma pergunta. Mas quis parar por aí."

O grupo de rock Bon Jovi, que foi incluído no Hall da Fama do Rock and Roll em 2018, foi formado em 1983 e continua sendo um dos maiores nomes da indústria musical norte-americana.

A banda gravou o álbum em março de 2019 em Nashville planejando lançá-lo em maio de 2020, mas ele foi adiado para 2 de outubro e duas musicas foram acrescentadas: "Do What You Can", na qual um Bon Jovi mascarado homenageia os trabalhadores na linha de frente da pandemia, e "American Reckoning", que trata da morte de George Floyd, um negro que morreu sufocado por um policial de Mineápolis.

A canção "Brothers in Arms" é um aceno a Colin Kaepernick, quarterback da NFL, a liga de futebol americano dos EUA, atualmente sem clube, que provocou um debate nacional quando protestou contra a injustiça racial se ajoelhando durante a execução do hino dos EUA antes dos jogos.

Indagado se teme uma reação negativa por cantar sobre temas que dividem seus compatriotas, Bon Jovi respondeu que está "ciente", mas não receoso. "Certamente baixei a guarda para as críticas", disse. "O que importa é que você fale. E é isso que um artista deve fazer."

Palavras-chave

Música
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MÚSICA

MAIS LIDAS EM CULTURA