M&M's aposenta mascotes 'lésbica' e 'obesa' após críticas de conservadores americanos

Os novos personagens da marca de chocolate representavam a diversidade

O Liberal
fonte

A fabricante de chocolates Mars Incorporation, dona da M&M's, anunciou nesta segunda-feira (23) uma "pausa indefinida" na utilização visual dos novos mascotes nas ações de marketing da marca. Isso ocorre após os novos personagens, que representam a diversidade, serem atacados por conservadores nos Estados Unidos.

VEJA MAIS

image Michelle Bolsonaro faz 'publi' para marca de cosméticos e acessórios nas redes sociais
Nas imagens, Michelle incentiva seguidores a comprar séruns para a pele e colares, mas diz que "morre de vergonha"

image 'Meu Garoto': Dono da marca paraense de cachaça de jambu é destaque em revista nacional
O empresário conta que, ainda em 2023, quer lançar novas bebidas, como gim e licores de jambu, além de um molho de pimenta

Neste início de ano, a M&M's lançou uma embalagem de edição limitada com as palavras “Apoiando Mulheres” e apresentando três porta-vozes femininos da marca: nas cores Marrom, Verde e o recém-lançado Roxo. Foi a primeira vez que a embalagem do chocolate apresentou apenas personagens que representam as mulheres.

O G1 noticiou que a campanha publicitária foi criticada pelos conservadores. O apresentador Tucker Carlson, que disse que o personagem verde “agora é lésbico, talvez” e que “também há um M&M roxo obeso de tamanho grande”. Enquanto o influenciador Nick Adams acusou a empresa de "sexismo" e afirmou que “a masculinidade está sob ataque como em nenhum outro momento na história mundial”.

A companhia publicou um comunicado sobre o assunto: "Não tínhamos certeza se alguém notaria. E definitivamente não achamos que isso quebraria a internet. Mas, agora entendemos: até mesmo sapatos de um doce podem ser polarizados. Era a última coisa que a M&M's queria, já que nosso objetivo é unir as pessoas. Portanto, decidimos fazer uma pausa indefinida nos mascotes".

Na oportunidade, a marca divulgou a sua nova porta-voz nos Estados Unidos, a atruz Maya Rudolph. "Estamos confiantes de que Rudolph defenderá o poder da diversão para criar um mundo onde todos se sintam pertencentes", finalizou.

Palavras-chave

Cultura
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA