Exposição reúne vários modelos Harley-Davidson na Estação das Docas

Um total de 25 modelos, entre clássicos raros e luxuosos, serão apresentados ao público de 8 a 15 de agosto

Enize Vidigal

Uma paixão mundial em duas rodas. Os fãs da Harley-Davidson vão poder conferir a exposição de 25 exemplares, entre modelos clássicos e luxuosos, a partir desta quinta-feira, 8, até o próximo dia 15, na Estação das Docas, durante o horário de funcionamento. A entrada é franca.

As motocicletas da exposição foram especialmente selecionadas pela Confraria Haleyros-Pará. Entre os destaques estão quatro exemplares do modelo Ultra Glide, fabricados em anos distintos, sendo o mais antigo de 20 anos, que pesam meia tonelada e possuem o mesmo charme, mas diferem nos itens tecnológicos, como som e navegador. 

A exposição vai apresentar ao público os exemplares de todas as linhas da marca nos Armazéns 1 e 2, no horário de funcionamento do complexo turístico, das 10 horas às 22 horas. Outros modelos disponíveis serão os raros Sporster, Softtail e Touring, mais usados em filmes e propagandas; o Street Glide CVO, moto de difícil aquisição que teve poucas unidades fabricadas por ano; e o famoso Fat Boy 2008, com pintura especial do aniversário de 105 anos da marca, que teve poucas unidades fabricadas, modelo preferido de Hollywood consagrado pelo filme "Exterminador do Futuro".

Exposição Harley Davidson Estação das Docas

A notícia da exposição em Belém repercutiu entre os amantes da Harley-Davidson em várias partes do Brasil e do mundo. Cris R1, conhecida motociclista esportiva, gravou vídeo para as redes sociais convidando o público a prestigiar a exposição: "É um evento muito bacana, bem organizado e eu conto com a presença de todos vocês".

A modelo oficial da marca em Portugal também postou: "Você que gosta de aventuras e é fã de motociclismo não pode perder este grande evento em Belém do Pará. Quem é apaixonado por essa lenda das motos não pode ficar de fora". Assim como a argentina Jéssica Giordano que, junto com o marido, possui uma das melhores oficinas de personalização de motos em Buenos Aires: "Um evento com um montão de motocicletas. Vá conhecer o mundo Haley-Davidson".

 

 

CONFRARIA

O publicitário Victor Athayde afirma que começou a andar de motocicleta aos 11 anos de idade. Apaixonado por duas rodas, já teve vários modelos de motocicletas, mas foi na Harley-Davidson que ele estacionou o coração. Junto com amigos, ele fundou a Confraria Haleyros- Pará, que reúne 110 associados, sendo a maioria de Belém, que, juntos, possuem 200 veículos da marca. "Há dez anos nos reunimos para começar a fazer exposições em shoppings e clubes, viagens e ações de filantropia. Hoje, somos legalizados", explica. 

A exposição é realizada pela Pará 2000, organização social que administra a Estação das Docas, com a Confraria Haleyros. Nas tardes da sexta-feira, sábado e domingo, 9, 10 e 11, e também no encerramento da exposição, dia 15, os membros da confraria estarão na exposição para conversar com o público.

HISTÓRIA

A lendária marca americana criada no ano de 1903 pelos sócios William Harley, Arthur Davidson e Walter Davidson, conquistou o público pelos filmes de Hollywood e se consolidou ao longo do tempo como a de melhor durabilidade, segurança, conforto e tecnologia.

Essas motocicletas foram até usadas na guerra e continuam fazendo a cabeça dos motociclistas pelo mundo, inclusive das mulheres. A Harley-Davidson extrapolou o conceito de motocicleta para tornar-se um estilo de vida associado a viagens, aventura e rock'n roll.

 

 

SERVIÇO

Exposição de Motos Harley-Davidson

Data: de 8 a 15 de agosto, de 10h às 22h

Local: Área interna dos Armazéns 1 e 2

Entrada franca

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM CULTURA