Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Confira oito filmes para esquentar a relação no dia do sexo

Ninfomaníaca e muitos outros filmes que ficaram marcados por suas cenas picantes

O Liberal

Nesta segunda (6) é comemorado o Dia do Sexo, data que ficou popularmente conhecida pela campanha de marketing de uma marca famosa de preservativos. Para quem pretende curtir a noite e apimentar a relação, preparamos uma lista com oito filmes famosos sobre o tema.

1 - Tinta Bruta

De estrutura aparentemente solta, Tinta Bruta é um filme emblemático. Tanto porque seu formato é, na prática, uma metalinguagem para a vida de alguém LGBTI+ – em um caminho de vida pública mais incerto – quanto pela elegância da condução de Felipe Matzembacher e Marcio Reolom. 

 

2 - Ninfomaníaca (Volume 1 e Volume 2)

Há quem goste muito dos dois filmes. Há quem os veja como insuportáveis. Dito isso, Ninfomaníaca não saiu muito da assinatura de seu criador, o polêmico Lars von Trier (de A Casa que Jack Construiu). Acompanhando uma ninfomaníaca autodiagnosticada que conta suas experiências eróticas para um homem que a salvou após uma surra, Trier constrói um filme poético-pornô.

 

3 - Magic Mike

Magic Mike é um filme potencialmente estranho, começa divertido e fica cada vez mais sombrio. Steven Soderbergh (do recente A Lavanderia e de Onze Homens e um Segredo) constrói uma história com uma sensação de realismo constante. Ao contrário do que pode parecer, trata-se de um filme humano, com o coração no lugar, mas que tem, claro, suas cenas mais quentes.

 

4 - Love

É interessante que Love pode ser visto como o filme mais solto, livre, o trabalho menos transgressor de Gastar Noé. O diretor parece mais comedido, apesar da temática. Na história, Murphy (Karl Glusman) é um americano que mora em Paris e mantém um relacionamento altamente sexual e emocionalmente carregado com Electra (Aomi Muyock). Sem saber do efeito que isso terá em seu relacionamento, eles convidam sua linda vizinha Omi (Klara Kristin) para dormir.

 

5 - "Beach Rats"  

Dirigido por Eliza Hittman, o filme mostra Frankie (Harris Dicknson), um rapaz que está dividido quanto sua sexualidade. Além das cenas de sexo envolvendo os homens que ele conhece por um site de encontros casuais e com sua namorada, ao seu redor há discussões sobre objetivos de vida, machismo e delinquência.

 

6 - "A Criada"  

A jovem Sooke (Tae-ri Kim) é contratada para ser criada de Hideko (Min-hee Kim), uma herdeira que leva uma vida reclusa junto de Kouzuki (Jinwoong Cho), seu tio dominador, em uma grande propriedade rural. No entanto, a empregada tem um segredo. Ela é uma ladra recrutada por um vigarista para seduzir a patroa, roubar sua fortuna e trancá-la em um hospício. O filme foi dirigido por Chan-wook Park.

 

7 - Cinquenta Tons de Cinza

Quando Anastasia Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja - mas em seus próprios termos.

 

 

 

 

Cinema
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM CINEMA

MAIS LIDAS EM CULTURA