Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Casal envolvido na polêmica sexual com sem-teto faz sucesso nas redes sociais

Em menos de um mês, Sandra acumula 300 mil seguidores no instagram

Gabriel Mansur

O casal que fez parte da polêmica envolvendo o agora ex-mendigo Givaldo Alves de Souza, de 48 anos, está bombando nas redes sociais. Ambos atingiram o status de subcelebridades. Em março, Sandra Mara Fernandes, de 34 anos, foi flagrada pelo marido mantendo relações sexuais com Givaldo, dentro de um carro, na cidade de Planaltina, no Distrito Federal. O marido de Sandra, Eduardo Alves, 31 anos, viu a cena e espancou o então sem-teto.

VEJA MAIS

Ex-morador de rua é 'cancelado' nas redes sociais e perde três contas no Instagram
Vários grupos feministas se uniram para derrubar os perfis criados por Givaldo Alves na web

Personal trainer que bateu no mendigo vai virar influenciador digital
Eduardo Alves assinou contrato de parceria com agência de Rezende, a ADR, com sede em Londrina, no Paraná, para que o personal tenha oportunidade de aprender a lidar com o mundo da internet

Sandra foi diagnosticada com transtorno bipolar após o ocorrido e o episódio foi categorizado como surto psicótico. Após o caso, a mulher passou 30 dias internada em uma clínica psiquiátrica e agora tem uma nova vida. Morando em Brasília, o casal a rotina com os mais de 540 mil seguidores que ganharam após o fato, interagindo com os fãs diariamente e respondendo perguntas direcionadas a eles. Sandra, até o momento, tem 302 mil seguidores, enquanto Eduardo já soma 244 mil. 

Na última semana, participaram de entrevistas em programas de televisão, como o Superpop e o Você na TV. Ambos agora trabalham com divulgação, parcerias e participação VIP em eventos e têm assessoria de uma agência de publicidade. No dia 27 de abril, Sandra Mara fez sua primeira postagem no instagram, onde falou sobre o caso ocorrido em março.

Veja a postagem:

(*Estagiária Gabriel Mansur, sob supervisão da editora Web de OLiberal.com, Ana Carolina Matos)

Palavras-chave

Celebridades
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA