CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Artista paraense Éder Oliveira rifa pintura para ajudar Tuíre Kayapó

Obra produzida pelo artista plástico será prêmio da rifa em apoio a liderança, que está com câncer no colo do útero

Juliana Maia
fonte

Em uma iniciativa solidária, o artista plástico paraense Éder Oliveira está rifando uma de suas obras para arrecadas fundos para Tuíre Kayapó. A liderança indígena conhecida por defender os direitos da floresta amazônica enfrenta um câncer no colo do útero e está realizando tratamento oncológico. Tuíre sempre esteve à frente da luta contra a construção de hidrelétricas no Xingu, em especial do projeto da Usina Hidrelétrica Kararaô, que se tornou a de Belo Monte.

VEJA MAIS

image Joelma Kláudia canta ‘Nua&Crua’ em show de denúncia e superação
A artista paraense narra as lutas das mulheres por autonomia e protagonismo

image Flor de Mururé mostra a força dos terreiros em música 'Dona Mulambo'
Single faz parte do disco de estreia do artista paraense, que chega às plataformas digitais ainda este mês

image Artista visual paraense faz sucesso com peças de crochê para músicos
Uma das peças de maior sucesso é o 'pescócio' inspirado em "Os Parangolés” de Hélio Oiticica

Há uma semana, Éder começou a pintar o quadro que apresenta um retrato de Tuíre e que será entregue ao ganhador da rifa. Segundo ele, a data prevista para divulgar o resultado é dia 29, na próxima quarta-feira. Ao todo foram disponibilizados mil números e a meta do artista é conseguir vender, pelo menos, 50% dos bilhetes, que custam R$ 30,00 cada.

Para adquirir uma das rifas, basta acessar o link que está disponibilizado no Instagram de Éder. Nas redes sociais, o artista compartilha com os seguidores o processo de pintura, que é uma releitura de outra obra sua. Nesta tela, ele construiu o fundo como uma contextualização da cena protagonizada por Tuíre, em que ela brada seu facão contra o rosto do então presidente da Eletronorte, José Antônio Muniz Lopes.

Como surgiu a ideia

Conversando com os amigos Matheus Vieira e Rodrigo Oliveira, Éder comentava sobre o estado de saúde de Tuíre. Rodrigo, que trabalha no Ministério Público com questões indígenas, explicou aos dois que a liderança está lutando contra o câncer.

"Começamos a pensar em como ajudar, isso foi um mês atrás. Tivemos a ideia de fazer um evento com a renda voltada para ela. A gente fez um evento relacionado aos povos indígenas e tive a ideia de refazer a óleo sobre tela uma pintura que eu já tinha produzido com uma imagem que ela autorizou e criar essa rifa com alguma importância para ajudá-la", conta Éder.

De acordo com o pintor, Tuire Kayapó está sabendo da ação solidária e acompanhando o processo. Éder conta que a liderança indígena ficou feliz quando soube da sua ideia e costuma mandar áudios para ele. "Ela ficou muito empolgada. O esposo dela traduz o que ela me manda. Tenho mandado fotos da obra em construção e ela está achando bem legal", diz o artista.

Importância

A liderança, para Éder, é um símbolo de luta para os indígenas que se constrói enquanto mulher e ícone na luta para além da questão ambiental, mas se tornando uma referência aos povos originários."Tuíre se tornou uma líder que participa de reuniões, vai a Brasília e está sempre lutando pela causa. É uma voz relevante. É ouvida. É um ícone de uma luta que está cada vez mais visível para todos", explica.

image Quadro de Tuire será rifado por Éder na semana que vem (Foto: Éder Oliveira)

"Para mim, em particular, ela tem uma representatividade na história que dialoga com um movimento de resistência. São ícones de resistência como ela que levo para o meu trabalho, como o Cacique Guaimiaba, Quintino Gatilheiro e a figura que representa a cabanagem", complementa.

(Estagiária sob supervisão do Coordenador do Núcleo de Cultura de Oliberal.com, Abílio Dantas)

 

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Cultura
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA