Menina aborda policial e diz que pai a estuprava continuamente

Depois da denúncia, homem de 64 anos foi preso em flagrante após policiais encontrarem preservativos usados, espingarda e drogas na casa

Redação Integrada com informações do ND+

A Polícia Civil de Santa Catarina prendeu, em flagrante, um pai de 64 anos suspeito de estuprar a filha de 14 anos. O caso aconteceu na terça-feira, 12, na cidade de Angelina, durante uma ação que procurava por um suspeito de outro crime – um duplo homicídio, ocorrido no final de 2020, em São José.

Na ação em busca do homicida, os policiais civis entraram em um sítio, onde estavam um homem e uma adolescente, que moravam no local.

Parte dos agentes entrou na mata em busca do homicida, mas outros policiais permaneceram com os dois moradores. Os policiais perceberam um comportamento estranho da menina. Ela relatou a uma agente da Divisão de Investigação Criminal que era estuprada pelo pai continuamente há, pelo menos, quatro anos.

A adolescente disse que havia sido estuprada naquele mesmo dia da operação, a terça-feira 12.

Os policiais resolveram fazer buscas na casa e encontraram preservativos intactos e usados, descartados no lixo. E foram apreendidas uma espingarda calibre 36, munições e drogas.

A adolescente, após exames e perícias, foi entregue a familiares.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL