CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Vestida de Santa Rita de Cássia, jovem de cadeira de rodas paga promessa em Belém

“Santa Rita de Cássia é meu porto seguro”, diz Vitória Pereira Viana, de 23 anos

Dilson Pimentel
fonte

Vestida de Santa Rita de Cássia, Vitória Pereira Viana, de 23 anos, acompanhou, na ensolarada manhã desta quarta-feira (22), a Procissão das Rosas, em homenagem a uma das mais populares santas da Igreja Católica. A caminhada da fé ocorreu pelas ruas do bairro de Canudos, em Belém. 

Celebrada nesta quarta-feira, pela Igreja Católica, Santa Rita de Cássia é conhecida como a Santa dos Impossíveis e advogada dos casos desesperadores. Vitória usa cadeira de rodas e estava acompanhada de sua mãe, a enfermeira Alessandra Pereira, de 44 anos. “Minha filha é devota de Santa Rita desde que nasceu”, disse a mãe.

Alessandra contou que Vitória nasceu com hidrocefalia. Segundo especialistas, a hidrocefalia é caracterizada como um acúmulo do líquido cefalorraquidiano (LCR) ou liquor dentro das cavidades do cérebro. Este liquor, como também é conhecido, faz a proteção das estruturas cerebrais e da medula espinhal, além de fornecer nutrientes.

“Foram feitas várias cirurgias na cabeça dela e nunca teve êxito. Quando a minha filha começou a entender um pouquinho, ela começou a ser devota de Santa Rita. E ela mesmo pede a cura da Santa Rita para ela ficar mais tempo na terra com Deus”, contou.

LEIA TAMBÉM:

image Santa Rita de Cássia: veja como foi a tradicional Procissão da Rosas, em Belém
Santa Rita de Cássia é conhecida como a Santa dos Impossíveis e advogada dos casos desesperadores

image No dia de Santa Rita de Cássia, devotos lotam paróquia no bairro de Canudos, em Belém
Missa é celebrada por Dom Paulo Andreolli, Bispo Auxiliar de Belém São José de Queluz. A procissão sairá logo após o término da celebração

Alessandra também disse que elas moraram  um ano no Rio de Janeiro. "E, lá, ela quase morre porque os médicos queriam fazer uma cirurgia que não era para ter sido feita. Ela pediu pra Santa Rita de Cássia pra ajudar ela, pra estar nos momentos dela, pra não ser operada lá e vir embora pra Belém. E hoje a gente paga essa promessa por conta desse pedido que ela fez pra Santa Rita de Cássia", contou a mãe.

Vitória também falou de sua devoção à santa. "Sou muito devota. Representa tudo. Ela é o meu porto seguro", contou. "Primeiramente Deus, né? Mas ela sempre está comigo nos momentos mais difíceis da minha vida e ela é santa pra mim. Faço tudo por ela. Pegando chuva ou sol, sempre eu tô aqui", afirmou.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Belém
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM