Pianista mirim que viralizou na internet realiza sonho de tocar no Theatro da Paz

Andres Costas, de 10 anos, é autodidata e aprendeu tocar piano sozinho "brincando" em um aplicativo de celular. A paixão do menino floresceu e gerou muitos frutos. Dentre eles, o convite para participar da abertura do Recital Vale Música

Amanda Martins

Andres Costa, aos 10 anos de idade, conseguiu realizar um dos seus maiores sonhos: tocar piano no Teatro da Paz. O menino prodígio, que já havia viralizado na internet em março deste ano, tocando “Sonata ao Luar”, de Beethoven, em uma loja de instrumentos musicais, em Belém, foi convidado para fazer uma participação especial na abertura do  Recital Vale Música, na última segunda-feira (5). Na grande noite, Andres encantou o público ao reproduzir as peças “Fantasia Improviso” e “Valsa do Minuto”, de Frédéric Chopin. 

VEJA MAIS

image Aos 10 anos, menino paraense aprende a tocar piano sozinho; veja
Andres Braga aprendeu clássicos de Beethoven lendo apenas um livro. Segundo especialista, trata-se de um caso de criança com altas habilidades

Entrar no palco da casa de música clássica do Estado foi uma grande conquista para o pianista mirim. Ele descreveu o momento como uma sensação única, que lhe deixou com o “coração a mil” de tanta felicidade. “Eu me senti como se uma missão tivesse sido cumprida, realizei uma coisa que quis desde sempre”, disse Andres.

image Andres se apresentando no Theatro da Paz na noite do dia 5 de dezembro  (Reprodução/ Arquivo pessoal)

O paraense, que tem como uma das maiores inspirações Beethoven e Chopin, quer continuar “até o resto da vida” seguindo na carreira musical. Dentro uma das suas maiores vontades, é continuar se apresentando e aperfeiçoando os conhecimentos para que, um dia, chegue tão longe quanto os seus ídolos.

“A minha maior vontade é tocar nos lugares, participar de concursos de grandes escolas de músicas e aprimorar sempre”, compartilhou o jovem pianista.

Como mãe e fã número um do filho, Amanda Braga diz ter vivido uma noite inesquecível ao presenciar a cria realizando seu sonho. Ela afirmou que sentiu-se muito emocionada desde o primeiro momento em que chegou ao teatro até a hora da apresentação. 

image Andres ao lado da mãe e do pai em sua noite de estreia tocando no Theatro da Paz (Reprodução/ Arquivo pessoal)

“Eu sei lá atrás [na hora do ensaio], ali, eu já fiquei emocionada porque sabia  o quanto significava para ele. Anteriormente, nós fomos assistir alguns concertos e ele ficava encantado, dizia: “mãe, um dia eu vou tocar aquele piano”. No momento em que eu vi ele se apresentando, só vinha isso na minha cabeça, a realização dele, como estava feliz naquele momento”, descreveu a mãe, emocionada.

Amanda contou que foi muito difícil segurar a emoção e chorou ao lado da família, aplaudindo o filho pela conquista.  Na visão dela, Andres tocou duas músicas que tinham um certo grau de dificuldade, mas graças ao empenho dele e treinamento diário, a apresentação foi “mágica”, tornando o dia 5 de dezembro de 2022 um momento especial e único.  

Pianista mirim é autodidata 

Andres é considerado um pianista autodidata por ter começado a tocar aos 9 anos de idade, e ter aprendido como manusear o instrumento lendo apenas um livro, que ensinava técnicas de piano para leigos, dado pela mãe. 

Para Amanda, foi uma grande surpresa que o filho se interessasse por música clássica já que na família não há músicos, e nem muito menos o costume de escutar o gênero. Ela revelou que, sozinho, ele passou a ler as partituras e interpretá-las. “Ele pedia para imprimir as partituras das músicas, quando a gente via, ele lia e tocava sozinho, era incrível”, disse a mãe do garotinho.

Tudo começou há um ano e dois meses quando o garoto instalou no celular um jogo que simulava vários instrumentos musicais como bateria, violão e guitarra. Mas a vontade de aprender a tocar piano ultrapassou a simples tela no telefone e ganhou forma na vida real. No início, Andres apenas praticava tocando em um instrumento de brinquedo, mas no Dia das Crianças do ano passado ele ganhou um piano elétrico e desde então, tem aperfeiçoado o talento por meio do incentivo da família.  

Após ter um vídeo compartilhados nas redes sociais, em que aparece tocando um piano, Andres foi convidado para  uma audição no Conservatório Carlos Gomes, onde se apresentou a notória pianista Glória Caputto, que passou a acompanhá-lo semanalmente, dando orientações musicais e aprimorando as técnicas do menino no instrumento. 

“Ela identificou que ele já tinha conhecimento para tocar diretamente no piano, tinha noção de teoria musical, partitura, ela se prontificou dar aula para ele. Ali, souve que ele estava nas melhores mãos possíveis”, elogiou a mãe de Andres sobre Caputto. 

Em entrevista dada no mês de abril ao Grupo Liberal, a professora Glória Caputo chamou Andres de “caso especial” e afirmou que o menino possui um “talento muito grande, uma musicalidade também grande, um ouvido excepcional, tudo para ser um grande pianista”.

 

Belém
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM