Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Em Ananindeua, cadela espera em porta de UPA por tutor que morreu há mais de um ano

O animal chegou com um homem que procurava atendimento na unidade, mas acabou morrendo. A cadela espera por ele no local desde então

O Liberal

Uma cadela está há mais de um ano na porta da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Icuí, em Ananindeua, a espera de seu tutor que faleceu. Chamada carinhosamente de Rita pelos funcionários, ela chegou com um homem que procurava atendimento, no entanto, ele acabou falecendo na unidade. Desde então, ela continua esperando-o voltar. 

VEJA MAIS

VÍDEO: Cadela emociona ao salvar cãozinho de afogamento em piscina Por mais de meia hora, a heroína Jessie tentou uma forma de tirar o amiguinho da água

Vídeo: cadela protege bebê impedindo que ele suba as escadas sozinho Registro é febre na internet, com mais de um milhão de visualizações

Aguardando em uma área em frente a UPA, achando que o tutor vai sair em algum momento, a cadela chama atenção de todos que passam pelo local. Algumas pessoas já tentaram tirá-la da porta, mas ela sempre volta. Com a raça indefinida, ela acabou sendo acolhida pelos funcionários que a alimentam todos os dias. 

“A gente fica muito triste por ela, vemos o quanto ela sente essa ausência e fica esperançosa dele sair pela mesma porta que entrou. Vamos cuidando dela até quando pudermos”, disse Nerilene Braga, diretora geral. 

Rita na porta da UPA do Icuí (Divulgação)

Rita estava prenha e acabou tendo os filhotinhos na entrada da UPA. Alguns dos cãezinhos acabaram sendo levados por pacientes. Outros, estão sendo cuidados por quem frequenta o local.

 

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM