Veja como foi a cerimônia de posse do governador Helder Barbalho, em Belém

Evento foi realizada na manhã deste domingo (1º) e marcou o início do novo mandato

Elisa Vaz
fonte

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), reeleito para mais quatro anos, e a vice-governadora Hana Ghassan (MDB) foram empossados, na manhã deste domingo (1º), durante cerimônia que deu início ao novo mandato da gestão estadual. O evento foi realizado no Plenário Newton Miranda da Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) e contou com a presença de parlamentares e outras autoridades. A assinatura do termo de posse ocorreu por volta das 10h15, em Belém.

VEJA MAIS

image Novo mandato: Helder Barbalho toma posse como governador do Pará por mais 4 anos
Cerimônia foi realizada na manhã deste domingo, na Assembleia Legislativa do Pará

image Após ser empossado, governador Helder Barbalho recebe a faixa governamental dos filhos
Depois de passar em revista a tropa da Polícia Militar, o governador Helder Barbalho se dirigiu ao dispositivo governamental para o ato de recebimento da faixa.

image Brasil: 27 governadores tomam posse; Tarcísio de Freitas assume cargo em São Paulo
Primeiro dia do ano é marcado pela posse do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva e dos governadores eleitos para comandar o Executivo dos 26 estados e do Distrito Federal

A cerimônia teve início com o protocolo da posse. Abriu a sessão o presidente da Casa, deputado estadual Francisco Mello, o Chicão (MDB), que saudou os presentes e convidou ​deputados líderes partidários a se dirigirem ao gabinete da presidência a fim de conduzir o governador e a vice-governadora ao Plenário para a solenidade. Os responsáveis por escoltar os membros do Executivo foram ​os deputados estaduais Martinho Carmona (MDB), Gustavo Sefer (PSD), Jaques Neves (UB), Eliel Faustino (União Brasil) e Fábio Freitas (Republicanos).

Ao entrar no Plenário, Barbalho e Ghassan encontraram a mesa já formada, composta pelo próprio presidente da Alepa, Chicão; o prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues (Psol); o senador Jader Barbalho (MDB); os deputados Elcione Barbalho (MDB), Professora Nilse (PDT) e Antônio Tonheiro (PP); e a presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA), desembargadora Célia Regina Pinheiro. O governador reeleito prestou o juramento constitucional e, após isso, ele e Ghassan foram investidos nos cargos do Executivo. A primeira secretária da Assembleia Legislativa, deputada Nilse Pinheiro (PDT), fez a leitura do termo de posse, obedecendo ao Regimento Interno.

Assista à posse do governador Helder Barbalho e da vice Hana Ghassan

Discurso

Em um pronunciamento de cerca de 30 minutos, o governador Helder Barbalho fugiu do protocolo e não leu discurso, mas falou espontaneamente. "A emoção renovada, é claro, não poderia ser diferente e remonta a 1º de janeiro de 2019. Quatro anos atrás, aqui estava eu para, de forma honrosa e grata, ter o privilégio de representar o meu Estado na condição de governador do Pará", destacou. O chefe do Executivo paraense ainda celebrou o trabalho feito em sua gestão: incansável, com modelo dinâmico e presente, nas palavras dele.

A capacidade de equilibrar as contas públicas e reverter ativos em investimentos, programas sociais, proteção e promoção de vida melhor aos paraenses é motivo de orgulho para Helder. Segundo ele, ao chegar ao governo junto com sua equipe, encontrou um cenário fiscal "preocupante", que identificava déficit de R$ 1,5 bilhão. "Tivemos a capacidade de arrumar a casa, de ajustar as contas públicas e de levar este Estado ao patamar de equilíbrio que hoje, cada vez mais, nos aponta como referência ao Brasil. Se antes o cenário era de déficit, fechamos todos os nossos anos com superávit. Este cenário mudou. Mas sempre pensei que saúde fiscal não pode representar sacrifício à sociedade. Festeja-se quando saúde fiscal é para ter um instrumento que permita que o Estado seja capaz de entregar aquilo que se propõe, e assim foi feito", declara Barbalho.

Novo mandato: Helder Barbalho toma posse como governador do Pará por mais 4 anos

O governador também falou sobre a Amazônia, "razão de orgulho" dos paraenses, segundo ele. "Se faz necessário um modelo de revisão: do uso da terra e do olhar sobre a floresta. A floresta viva que não apenas é responsável pelo equilíbrio climático, mas nos permite consciência, tecnologia e inovação. Que possamos utilizar de nossa bioeconomia e da biodiversidade para construir um novo modelo, que possa incrementar renda e gerar empregos. Que possamos fazer da floresta em pé um ativo econômico. Estaremos, cada vez mais, atuando para que a nossa região cuide de sua floresta".

O final da fala do líder foi sobre democracia. Durante a cerimônia de posse, Helder Barbalho disse que sente otimismo em relação ao Brasil e que acredita que os próximos anos serão de democracia e harmonia federativa. Ele elogiou a parceria com o novo governo federal e disse ter convicção de que o presidente Lula, ao tempo em que assume o seu novo mandato, estará atento às pautas do Estado do Pará.

image 'Tenho convicção que o presidente Lula estará atento às pautas do Pará', diz Helder durante a posse
Reeleito em outubro do ano passado, governador Helder Barbalho foi empossado pela Alepa para um novo mandato de mais quatro anos

image Como foi a posse de Lula: veja o que aconteceu, quem passou a faixa e os detalhes da cerimônia
A sessão solene aconteceu no Congresso Nacional, em Brasília (DF), onde Lula recebeu, oficialmente, o posto de presidente da República; veja

image Helder e mais 10 governadores confirmaram presença na posse de Lula neste domingo (1º)
Lula será empossado na tarde deste domingo, em Brasília

Presenças

Além das autoridades já mencionadas, também estiveram presentes os parlamentares Raimundo Santos (PSD), Luth Rebelo (Progressistas), Ronie Silva (MDB), Dra. Heloisa (PSDB), Renilce Nicodemos (MDB), Iran Lima (MDB) e Dilvanda Faro (PT). Ainda participaram da cerimônia o procurador-geral de Justiça do Estado, César Mattar Jr.; a presidente do Tribunal de Contas do Estado do Pará (TCE-PA), Lourdes Lima; a presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Pará (TCM-PA), Mara Lúcia; e o defensor público geral do Estado, João Paulo Ledo.

Por volta de 11h30, o governador e a vice-governadora seguiram para a área externa, onde o mandatário passou a tropa em revista, na condição de comandante em chefe da Polícia Militar, e recebeu a faixa dos filhos. Helder também discursou para o público, encerrando a cerimônia. Os membros do Executivo participarão de mais duas cerimônias de posse no interior do Estado. Nesta segunda-feira (2) o evento será em Marabá, na região sudeste, às 15h, no Carajás Centro de Convenções Leonildo Borges Rocha, e, às 18h, em Santarém, no oeste, no Centro Cultural João Fona. Na terça-feira (3), a posse será em Breves, no Arquipélago do Marajó, na orla em frente à sede municipal.

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA