Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Três suspeitos de integrarem facção criminosa morrem em confronto com a polícia, no Marajó

Os dois homens e uma mulher são suspeitos de ter relação com dois homicídios em Portel, acontecidos no final de agosto

O Liberal

Três pessoas – dois homens e uma mulher, ainda não identificados – foram mortas em confronto com a polícia no último sábado, 3, no município de Anajás, no Marajó. Eles fariam parte de uma facção criminosa que estaria planejando ataques contra faccionados rivais. Além disso, a polícia investiga possível relação dos três com dois homicídios acontecidos em Portel, no dia 22 de agosto. A Polícia Civil afirma que um inquérito foi instaurado para apurar o caso.

A ação que resultou na morte dos suspeitos foi realizada por policiais do 80º Pelotão Destacado de Polícia Militar (PDPM) de Anajás que, por meio de denúncia, tiveram a informação de que havia um grupo grande de pessoas armadas dentro de uma casa, possivelmente se preparando para atacar uma facção rival.

VEJA MAIS

'Narigudo' é baleado e preso, suspeito de tráfico de drogas, no Marajó
Após confronto com a polícia, suspeito chegou a fugir e buscar socorro no Hospital Municipal de Muaná, onde foi preso

Homem é preso por estuprar a enteada no município de Breves, no Marajó
Vítima sofria abusos há pelo menos 13 anos, desde quando tinha quatro anos de idade

Sargento PM da reserva é morto a tiros em Marabá (PA) neste domingo (4)
O foco dos criminosos era a arma da vítima. Polícia busca por suspeitos

A equipe da polícia teria iniciado um cerco no local, ocasião em que foram alvo de uma série de disparos de arma de fogo. Ao revidar, a polícia teria atingido três pessoas, que chegaram a ser socorridas, mas morreram no Hospital Municipal de Anajás.

O corpo da mulher, identificada informalmente como Emanuele, teria sido transladado para Portel ainda no domingo, 4. A redação integrada de O Liberal solicitou informações à Polícia Civil a respeito dos outros dois corpos, mas não obteve resposta.

No local, os militares apreenderam uma espingarda calibre 12, um revólver calibre 38 e uma arma de fabricação caseira, além de munições, drogas, aparelhos de celular e valores de dinheiro em espécie.

 

Suspeitos de envolvimento com homicídio

De acordo com informações do portal Notícia Marajó, a polícia investiga o possível envolvimento do trio morto no confronto com dois homicídios acontecidos no município de Portel, também no Marajó, no bairro Cidade Nova, no dia 22 de agosto deste ano.

Na ocasião, duas pessoas – identificadas como Emerson Oliveira da Silva e Francinei Freitas Cabral – haviam sido mortas. A primeira, por golpes de faca e, a segunda, por tiros de arma de fogo.

Mais informações sobre os suspeitos mortos, a investigação policial e sobre as demais pessoas possivelmente presentes no local onde houve a troca de tiros com a polícia foram solicitadas pela redação integrada de O Liberal à Polícia Civil, mas não obteve resposta.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA