Sargento da PM é assassinado em Castanhal

Após ser executado, Francisco Antônio Viana Pinheiro teve o armamento roubado pelos criminosos

Redação Integrada

Um sargento reformado da Polícia Militar foi morto a tiros nesta segunda-feira (26) em Castanhal, no nordeste paraense. Francisco Antônio Viana Pinheiro, 50 anos, fazia a limpeza de um terreno de sua propriedade quando foi surpreendido pelos criminosos, que se aproximaram, efetuaram os disparos e fugiram em seguida, levando a arma do policial.

O crime ocorreu por volta das 11 horas, no bairro Jardim Modelo. Segundo informações preliminares, os atiradores chegaram ao local em um veículo tipo caminhonete, de cor branca. Eles tinham roubado o veículo no município de Mãe do Rio e seguiram para Castanhal, onde atiraram no sargento. "Alvejaram o militar e roubaram seu armamento, uma pistola calibre ponto 40", informou a Polícia Militar, em nota. 

Policiais civis e militares de Castanhal foram até o local do crime para iniciar as apurações. Segundo a Polícia Civil, "até o momento, não se sabe a autoria nem motivação do crime". De acordo com a PM, guarnições mantêm as buscas para tentar localizar e deter os responsáveis pelo latrocínio. "A Polícia Militar lamenta o fato e adotará as medidas necessárias para a solução do crime", enfatizou a PM.

O policial serviu à corporação por 24 anos e foi reformado por motivo de doença. Deixou esposa e uma filha. O Centro Integrado de Psicologia e Assistência Social (CIPAS) está dando apoio à família do militar.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM POLÍCIA