logo jornal amazonia

Polícia prende suspeito de ameaça e stalking em Brejo Grande do Araguaia, no Pará

O homem é investigado por outros três crimes, que são lesão corporal leve, porte ilegal e disparo de arma de fogo

O Liberal
fonte

​Nesta quarta-feira (11), a Polícia Civil do Pará deu cumprimento a mandados de busca domiciliar e prisão preventiva expedidos contra um homem identificado como Jerry Soares de Araújo. Ele é investigado por, pelo menos, cinco crimes: ameaça, perseguição (stalking), lesão corporal leve, porte ilegal e disparo de arma de fogo.

VEJA MAIS

image Saiba o que é o stalking e como se defender do crime virtual
Vítimas podem ter dificuldade de reconhecer o crime inicialmente

image Senado aprova projeto que criminaliza stalking
Proposta prevê pena de reclusão de seis meses a dois anos e multa, com aumento de punição, quando as vítimas forem mulheres

O trabalho da equipe policial ocorreu no âmbito da Operação Tom, deflagrada no município de Brejo Grande do Araguaia, localizado a pouco mais de 100 km de Marabá, no sudeste do Estado.​​

Segundo a polícia, o suspeito foi localizado em sua própria residência e confessou os crimes, informando ainda ter trocado a arma utilizada no caso por substância entorpecente.

image Alepa aprova projeto que regulamenta crime de perseguição ‘stalking’ contra mulheres
Proposição de autoria da deputada professora Nilse visa a mobilização da sociedade em geral e do Poder Público dos deveres e proteção para com as mulheres

image Brasil registra mais de três casos de 'stalking' por hora

Após o cumprimento dos procedimentos cabíveis, o suspeito foi encaminhado à Central de Triagem Masculina de Marabá (CTMM), onde se encontra à disposição do Poder Judiciário.

A operação policial contou com a participação de policiais civis das delegacias de Brejo Grande do Araguaia, São Domingos do Araguaia e São João do Araguaia.

Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA