Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Polícia prende padrasto que matou enteada de 17 anos após discussão no Pará

Gilberto Silva foi preso em flagrante acusado de cometer o crime de lesão corporal seguido de morte

O Liberal

Um homem acusado de matar a enteada de 17 anos foi preso em Itupiranga, no sudeste paraense. Segundo informou a Polícia Civil nesta terça-feira (30), Gilberto Silva foi autuado pelo crime de lesão corporal seguida de morte,. O crime ocorreu após uma discussão entre mãe e filha, na qual o agressor se envolveu. O caso foi registrado na madrugada de segunda-feira (29), por volta de 3h30, em uma residência localizada na rua 25 de Agosto, bairro Vitória.

Conforme as investigações, Gilberto, a companheira Maria Ferreira Lima e a vítima chegaram em casa sob efeito de bebida alcoólica, quando uma discussão entre as duas mulheres teve início. A filha teria empurrado a mãe, que caiu e desmaiou.

Foi aí que, ainda segundo a PC, o padrasto iniciou uma série de agressões, com empurrões e socos na enteada. A adolescente caiu no chão, sobre pedaços cortantes de porcelana quebrada e se lesionou gravemente. A vítima chegou a ser socorrida e encaminhada até uma unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. 

Gilberto e Maria Ferreira foram ouvidos pelas autoridades policiais. O padrasto foi detido e transferido para o sistema penitenciário, onde se encontra à disposição do poder judiciário.

O corpo da adolescente foi removido para o Instituto Médico Legal de (IML) de Marabá, onde passou por perícia médica e foi trasladado para o município de Itupiranga.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA