Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Ex-marido é suspeito de matar funcionária pública em Uruará

Hioleny Furtado de Moura, de 36 anos, foi encontrada morta na casa onde vivia. Vítima era ameaça pelo ex-companheiro.

Redação Integrada

Hioleny Furtado de Moura, de 36 anos, foi encontrada morta na casa onde morava no município de Uruará, no sudoeste paraense. A mulher foi achada sem vida pelo pai, por volta das 7 horas desta segunda-feira (12). O principal suspeito do crime é o ex-companheiro da vítima, que foi detido.

Segundo informações do boletim de ocorrência registrado na delegacia da cidade, não havia sinais de arrombamento na residência. A porta da casa estava trancada com a chave pendurada pelo lado de fora.

O cadáver não apresentava lesões aparentes, mas havia sangue por alguns cômodos da casa. A Polícia Civil suspeita de que se trate de feminicídio, já que Hioleny vinha sendo ameaçada pelo ex-marido. 

O suspeito foi detido para prestar esclarecimentos. O caso segue sendo investigado. 

O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). Apenas o resultado do exame de necropsia, realizado por peritos do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC), poderá indicar com precisão a causa da morte da vítima. As informações são do site Confirma Notícias.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA