Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Irmãs de 13 e 7 anos são vítimas de estupro em Canaã dos Carajás

Estupro das irmãs foi denunciado pela mãe das vítimas

O Liberal

A Polícia Civil de Canaã dos Carajás, no sudeste paraense, prendeu esta semana Rafael Pimentel de Sousa, de 20 anos, sob acusação de estupro de vulnerável. Ele foi denunciado pela mãe das vítimas, duas irmãs de 13 e 7 anos, que teriam sido abusadas. A mais velha delas, inclusive, estaria grávida de Rafael. As informações são do portal Fato Regional. 

VEJA MAIS

Idoso de 68 anos é preso por estupro de vulnerável, em Itaituba
Contra o homem, havia um mandando de prisão em aberto, logo, ele era considerado foragido da justiça

Homem é preso suspeito de estuprar neta de 8 anos, em Paragominas
O idoso foi encontrado pela avó da criança no quarto da menina com a calça abaixada e em cima da vítima. Ele está a disposição da Justiça

Garota de 13 anos faz o próprio parto após ser estuprada
Ela contou ter sido arrastada por um homem de 30 anos que trabalhava nas proximidades da casa dela

Segundo relato feito pela mãe das duas meninas à Polícia, a filha de apenas 13 anos morava com Rafael havia cinco meses. A situação em si já configuraria crime por tratar-se de uma menor em condição vulnerável. Porém, de acordo com a autora da denúncia, não satisfeito em manter a adolescente como sua companheira, ele também teria cometido abuso contra a irmã caçula, de apenas 7 anos.

O estupro teria sido cometido quando a mãe e a menina teriam ido visitar os dois. Rafael está preso à disposição da Justiça e deverá aguardar os procedimentos legais.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA