Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Serviço de hemodiálise é ampliado no Pará

Atualmente, o Pará possui 13 polos de serviço em Nefrologia, com oferta de Hemodiálise Ambulatorial

Patrícia baía

O atendimento em hemodiálise no estado de Pará será ampliado. Capanema e Tucuruí irão oferecer o serviço em suas Policlínicas, com, respectivamente, 22 e 33 poltronas. No último domingo (26), o tratamento especializado chegou ao Hospital Regional do Baixo Tocantins "Santa Rosa", no município de Abaetetuba. O novo centro de hemodiálise oferece 21 equipamentos com capacidade para realizar 1.638 atendimentos por mês. A expectativa do governo do estado é que comece a atender nas próximas semanas, após a conclusão dos protocolos sanitários.

Atualmente, o Pará possui 13 polos de serviço em Nefrologia, com oferta de Hemodiálise Ambulatorial, nos municípios de Altamira, Belém, Bragança, Breves, Itaituba, Marabá, Marituba, Redenção, Santarém e Ulianópolis, nas regiões Metropolitana, Nordeste, Marajó, Sudoeste, Sudeste, Sul, Sudeste e Oeste.

As unidades regionais que oferecem atendimento de hemodiálise são o Hospital Regional Público do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém; Hospital Regional Público do Araguaia, em Redenção; Hospital Regional Público Dr. Abelardo Santos, em Belém, no distrito Icoaraci, e o Hospital Regional Público da Transamazônica, em Altamira.

MAIS LIDAS

Policlínica de Capanema abre atendimentos para mais de 30 especialidades médicas
Inaugurada esta semana, estrutura também tem serviços de hemodiálise

Mãe doa rim para filha no Pará; a jovem fazia hemodiálise há mais de um ano
Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA) já realizou 70 transplantes desde 2016

Altamira e Marabá

A partir desta semana Altamira deve receber o atendimento de hemodiálise na Policlínica e no Hospital Regional Público da Transamazônica. E em Marabá, a capacidade do atendimento já oferecido, será dobrada.

Hemodiálise 
A hemodiálise é o procedimento em que uma máquina filtra e limpa o sangue do paciente renal crônico, realizando o trabalho que o rim doente não pode fazer. O processo retira do corpo o excesso de líquidos e sal. Em média, um paciente precisa realizar semanalmente três sessões em dias alternados para garantir os resultados do tratamento e uma vida saudável.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ