Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Profissionais da educação podem entrar no grupo prioritário de vacinação contra a covid-19

A medida deve dar condições seguras para sustentar o retorno às salas de aula no Pará

Redação Integrada

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), solicitou ao Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) a inclusão de professores e demais profissionais da educação como grupo prioritário no esforço de vacinação contra a covid-19. A medida deve dar condições seguras para sustentar o retorno às salas de aula no Estado.

 

 

“Pessoal, nós estamos dialogando com o Ministério Público, para que permita que os profissionais da educação entrem no grupo prioritário para vacinação contra covid-19. Essa é uma das medidas que estamos tomando, para reconstruir as condições sanitárias para voltar as aulas presenciais no Estado, que já estão suspensas há mais de um ano”, escreveu o governador no Twitter.

Se acatado pelo MPPA, o governo atende parcialmente a uma das principais reivindicações da categoria de professores. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores e das Trabalhadoras em Educação Pública no Pará (Sintepp), que representa os professores da educação estadual e municipal, uma das condições para o retorno das aulas presenciais é a vacina para toda a comunidade escolar, que inclui também alunos.

O anunciou foi feito na noite dessa segunda-feira (3) por Helder. Ele não deu mais detalhes sobre se a medida abrange profissionais da educação básica e superior, e de instituições públicas e privadas.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ