Obras emergenciais após queda da ponte do Moju ainda durarão duas semanas, diz Setran

As rampas para as travessias do Acará para Moju só poderão ficar prontas em 15 dias, aponta secretaria

Redação integrada de O Liberal

A Secretaria de Estado de Transportes (Setran) informou esta quinta-feira (11) que as obras emergenciais nas vias utilizadas como rotas alternativas, após o acidente que atingiu a ponte sobre o Rio Moju, no último sábado (6) só serão concluídas em duas semanas.

LEIA MAIS:

Segundo nota da Setran, os trechos Perna Sul, vicinal Quilombola e PA-252, que integram a Alça Viária, "estavam em péssimas condições de trafegabilidade pelo longo período sem manutenção". A secretaria diz que, por isso, as frentes de trabalho após o acidente com a ponte de Moju seguem realizando serviços de pavimentação, tapa-buracos, limpeza de meio-fio e acostamento.

A Secretaria de Estardo de Transportes diz que "o trabalho será permanente" no período em que a ponte estiver em obras. “As obras das rampas para a travessia do Acará para Moju, no local da ponte, também estão aceleradas, e devem ficar prontas em 15 dias”, diz a Setran.

Para realizar esse prazo, a Setran afirma que mantém as equipes trabalhando 24 horas por dia, em regimes de plantão.

 

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM PARÁ