Nove pessoas são presas em Salinópolis por dirigir sobe efeito de bebida alcoólica

Ao todo foram realizadas 29 prisões no Pará pelo crime de alcoolemia

Redação Integrada

Vinte e nove pessoas foram presas por dirigir sob efeito de bebida alcoólica no último final de semana no Pará. Só neste domingo foram efetuadas 11 prisões em flagrante por alcoolemia nas praias de Salinópolis, no nordeste do Pará, em Mosqueiro, distrito de Belém, e na Vila dos Cabanos, em Barcarena, também no nordeste do Estado. As prisões foram realizadas pela Polícia Civil durante a operação Lei Seca, realizada em conjunto com o Departamento de Trânsito do Pará (Detran). Das prisões, nove ocorreram em Salinas, uma em Mosqueiro e uma na Vila dos Cabanos. Os demais flagrantes foram registrados em outros municípios do Estado, onde também estão sendo feitas fiscalizações.

A equipe da Diretoria de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAV) registrou uma prisão pelo crime de violência doméstica em Salinas e três pedidos de medidas protetivas.  

Na ação policial realizada pela Divisão de Polícia Administrativa (DPA), também foram fiscalizados 102 estabelecimentos comerciais no sábado, 25, em Salinópolis e na ilha de Mosqueiro. Trinta deles, a maioria em Salinas, foram fechados.

O responsável por um estabelecimento conhecido como a antiga "Barraca Paradise" foi denunciado por realizar uma festa tipo rave na madrugada do sábado. Ele foi intimado a prestar esclarecimentos na na Delegacia de Polícia de Salinópolis e advertido quanto ao cumprimento das regras contidas nos decretos estadual e municipal. O estabelecimento teve as atividades suspensas temporariamente e será punido administrativa e criminalmente.

A Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal (DEMAPA) também fiscalizou, no final de semana, 21 estabelecimentos e 29 veículos referentes ao crime de Poluição Sonora, também em Salinas e Mosqueiro.

 As ações nos balneários também contaram com equipes da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE).

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM PARÁ