Nove dos 41 pacientes do Amazonas atendidos em Belém morrem; 28 voltam para casa

De acordo com a Sespa, quatro pacientes ainda seguem internados no Hospital de Campanha

Redação Integrada, com informações da Agência Pará

Dos 41 pacientes transferidos do Amazonas para a rede de saúde pública do Pará, nove faleceram, 28 se recuperaram e voltaram para seu estado de origem e quatro seguem internados no Hospital de Campanha de Belém, localizado no Hangar Centro de Convenções. As informações são da Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa).

Antônio Augusto Bacelar, 38 anos, é de Tefé (AM) e foi um dos que deixou o hospital, depois de 13 dias internado para tratamento de covid-19. "Meu coração está cheio de saudade, e isso só vai parar quando eu estiver em casa. Meus filhos, minha esposa e meu pai me esperam lá. Aqui o atendimento foi muito bom. Agora é só ansiedade para voltar para casa”, declarou.

Já Jorge Brasil da Silva, 58, também de Tefé, continua o tratamento que vem recebendo desde 4 de fevereiro, quando chegou em Belém. "A gente tem que agradecer a Deus, à família e a essa equipe maravilhosa que, dia e noite, não mede esforços. São uns tremendos heróis, de um cuidado com muito carinho e muita atenção. Eu só tenho a agradecer, sinceramente, porque se eu não fosse transferido não saberia te dizer o que teria acontecido comigo”, disse.

"É com felicidade que comemoramos as altas. A maioria dos pacientes amazonenses que vieram para o Hospital de Campanha se curou e retorna para os seus lares. Isso é resultado do trabalho incansável de toda a equipe neste momento difícil. É importante que estejamos todos juntos na luta contra essa doença devastadora, que é a covid-19, sempre prezando pela excelência no acolhimento e humanização”, ressaltou a diretora hospitalar Alba Muniz.

Ainda segundo a Sespa, em números gerais, o Hospital de Campanha de Belém está atendendo, neste momento, 131 pacientes, sendo 60 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). No total, a unidade atende 4.002 pacientes, dos quais 257 foram transferidos, 2.711 receberam alta e 896 faleceram. A taxa de ocupação de leitos de UTI está em 60%.

 

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ