Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Clima: Pará deve ter chuvas intensas em setembro

Com isso, o estado demonstra um fenômeno de ter tido chuvas fortes durante quase todo o ano

O Liberal

Setembro será marcado pelo começo de uma estação ainda mais chuvosa no Pará. A previsão da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) aponta que a segunda quinzena vai concentrar o período mais intenso. Com isso, um fenômeno está sendo registrado: praticamente todo o ano foi marcado por elevados índices pluviométricos, com tendência de mais intensidade no final do ano.

Deverá chover mais nos municípios das regiões Nordeste, oeste da Calha Norte e Sudoeste, com média em torno de 100 milímetro de chuva mês. No Sul do Pará, se aproxima de um período de transição. Climatologicamente, a segunda quinzena de setembro já dará suporte para os primeiros eventos de aproximação e interação com as frentes frias.

VEJA MAIS 

Chuva desta segunda provoca mais alagamentos em Belém
De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), entre 11h e 15h, choveu 7,1% do volume máximo previsto para abril

"Em geral, setembro deverá apresentar chuvas dentro do normal climatológico na maior parte do estado, nas regiões Nordeste, na Região Metropolitana de Belém, em parte do Marajó, no Baixo Amazonas e na região Sudoeste. Em parte das regiões Sudeste e Marajó, as configurações atmosféricas associadas a fatores locais indicam anomalias de chuva abaixo do normal. No entanto, não se descarta a ocorrência de pontos isolados de chuvas, principalmente na região Sudoeste", enfatiza Saulo Carvalho, coordenador do Núcleo de Hidrometeorologia de Semas.

A faixa leste e a porção central do Pará ainda terão pouca chuva, com volumes pluviométricos abaixo de 50 mm/mês. A faixa norte mantém redução nos volumes mensais de chuva, ainda no período seco, com volumes oscilando entre 25 mm e 100 mm/mês, em média. A baixa ocorrência de chuvas na faixa norte neste período é causada por questões sazonais e climáticas, pois os principais sistemas meteorológicos de grande escala, que têm influência no estado, ainda estão posicionados distantes da faixa equatorial.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ