Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Família compra mala em leilão e encontra restos mortais de duas crianças

O inspetor da polícia local confirmou que os corpos eram de duas crianças que aparentavam ter entre cinco e dez anos

Paula Figueiredo

Os restos humanos encontrados dentro de uma mala comprada por uma família da Nova Zelândia, que adquiriu o objeto em um leilão, são de duas crianças, segundo informou a polícia de South Auckland na última quinta-feira (17).

VEJA MAIS

Sem saber o que fazer, filho idoso chega com corpo da mãe em carrinho de mão no cemitério
O homem andou com o carrinho e uma pá por cinco quilômetros até chegar à cidade de Vera Cruz

Restos humanos são encontrados em mala leiloada na Nova Zelândia
A família, moradora da cidade de Auckland, fez a descoberta ao chegar em casa e desempacotar os itens comprados no leilão

Bezerra com duas cabeças nasce em fazenda no Pará
O nascimento do animal intrigou a proprietária da fazenda e moradores do município de Senador José Porfírio

A mala foi comprada em 11 de agosto, no leilão de uma unidade de armazenamento da cidade. A família comprou um reboque cheio de artigos vendidos a granel por um armazém e, entre os objetos, havia a mala. A polícia afirma que a família em questão não está ligada à morte, mas está "compreensivelmente perturbada com a descoberta".

O inspetor da polícia local confirmou que os corpos eram de duas crianças que aparentavam ter entre cinco e dez anos. "A polícia ainda está nos estágios iniciais de sua investigação, mas as crianças parecem estar mortas há vários anos", disse ele.

Acredita-se que a família que comprou o objeto e encontrou os restos não esteja envolvida no crime

(Estagiária Paula Figueiredo, sob supervisão de Tainá Cavalcante, editora web de OLiberal.com)

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO