Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

OMS declara que varíola dos macacos é emergência mundial de saúde

Mais de 16 mil casos já foram relatados em 75 países, de acordo com o diretor-geral da instituição

Camila Azevedo

A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou, neste sábado (23), que a varíola dos macacos é uma emergência de saúde global. O diretor-geral da entidade, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse que mais de 16 mil casos já foram relatados em 75 países.

A decisão foi tomada após reunião do comitê de especialistas que analisa a situação do vírus no mundo, na última quinta-feira (21). Tedros afirmou que o grupo não conseguiu chegar a um consenso sobre transformar ou não a doença em emergência internacional.

VEJA MAIS

Cientistas alertam para novos sintomas da varíola dos macacos; veja quais são
A preocupação dos especialistas é de que os sintomas possam estar sendo confundidos com outras infecções

Varíola dos macacos: 'bolhas não param de doer', relata mulher que está com suspeita da doença
Moradora de Itaguaí, a moça suspeita ter contraído o vírus na própria cidade; ela cumpre isolamento domiciliar e aguarda diagnóstico

'Meu isolamento protegeu muitas pessoas', diz primeiro infectado por varíola dos macacos no Brasil
Anderson Ribeiro foi o primeiro brasileiro a ser diagnosticado com a varíola do macaco em território nacional e teve alta médica hoje, 20, após um isolamento de 14 dias

"Decidi declarar uma emergência de saúde pública de alcance internacional", disse Tedros em entrevista coletiva, afirmando que o risco no mundo é relativamente moderado, exceto na Europa, onde é alto. A medida foi tomada sem uma decisão do comitê.

De acordo com o diretor, será possível controlar o surto e parar a transmissão com as ferramentas já disponíveis. Metade dos países com casos registrados já possuem acesso a vacina.

Casos no Brasil

O último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde, nesta sexta-feira (22), aponta que o país possui 607 casos confirmados da doença, espalhados em 13 estados e no Distrito Federal. São Paulo é a região que acumula o maior número, tendo 438 pessoas afetadas.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO