Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Jovem é acusado de matar mãe após ser proibido de fumar dentro de casa

O acusado teria pego um revólver e atirado contra a mãe após ser proibido de fumar charutos no quarto. Ele fugiu da cena do crime, mas foi pego pela polícia

Amanda Martins

Um jovem de 19 anos foi preso e acusado de matar a própria mãe, após a vítima ter proibido o agressor de fumar dentro de casa. O caso ocorreu na última quinta-feira (28), no Condado de Polk, na Flórida. Seth Settle fugiu do local do assassinato, mas foi capturado pela polícia e confessou o crime. A vítima, Grady Judd, tinha 52 anos.

VEJA MAIS

MPPA quer perícias, diligências e reprodução simulada do caso de advogado que matou a mãe Promotor Franklin Prado busca elementos para subsidiar a denúncia contra o acusado

Jovem preso por matar a mãe chegou a ajudar nas buscas Exame de perícia constatou que a mulher levou 30 golpes de objeto perfurante, sendo 24 no pescoço e 6 na região da cabeça

Mãe mata filho de 10 anos e esconde o corpo em mala para jogar no lixo Segundo a autópsia, a criança morreu com várias facadas no pescoço e na zona abdominal

Segundo a  xerife do Condado de Polk, Settle discutia com a mãe, quando ela o proibiu de fumar charutos no quarto. Com raiva, o filho pegou um revólver e atirou contra a progenitora

O crime foi notificado pelo irmão de Settle, que chegou em casa após o caçula fugir e encontrou a mãe caída no chão. A vítima foi levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. 

Em depoimento à polícia, o jovem, que sofre de depressão, afirmou que o disparo foi acidental, mas os investigadores acreditam que ele matou a mãe por raiva. Ainda segundo as investigações, a vítima era conhecida por ser amorosa e dedicada aos filhos. 

Settle foi acusado de assassinato em segundo grau e adulteração de provas, além de cinco acusações de fornecimento de informações falsas à polícia e disparo de uma arma de fogo em uma propriedade residencial. 

(*Estagiária Amanda Martins, sob supervisão da editora OLiberal.com, Ana Carolina Matos)

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO