Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Após saída das forças da Rússia, corpos de civis são encontradas na rua em Bucha, na Ucrânia

Um deles estava com as mãos amarradas. As causas das mortes não foram determinadas

O Liberal

Recuperada recentemente pelos ucranianos, a cidade de Bucha, que foi invadida pelo exército russo, virou palco de uma das cenas mais impactantes desta guerra. Pelo menos vinte corpos foram encontrados espalhados pelas ruas, todos com roupas civis e posicionados ao longo de centenas de metros. Um deles estava com as mãos amarradas. De acordo com denúncia apresentada pelo ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, houve um “massacre deliberado” na cidade. As informações são da SIC Notícias e Agência AFP.

As causas das mortes não foram determinadas oficialmente, mas o estado de alguns corpos indica que eles estavam no local há vários dias. “O massacre de Bucha foi deliberado. Os russos querem eliminar o maior número possível de ucranianos. Devemos prendê-los e expulsá-los. Exijo novas sanções devastadoras do G7 AGORA”, publicou Dmytro Kuleba na rede social Twitter.

VEJA MAIS

Rússia x Ucrânia: forças ucranianas retomam controle ao redor de Kiev
A informação foi divulgada pela ministra interina da defesa da Ucrânia, Hanna Malyar. Hoje, o conflito entre Rússia e Ucrânia entra para o 38º dia

Ucrânia anuncia abertura de 7 corredores humanitários para evacuar civis de Mariupol
Vice-premiê ucraniana Iryna Vereshchuk informou que o resgate de civis deve ser feito por transporte privado e ônibus

Mães brasileiras se mobilizam para ajudar suas barrigas de aluguel na Ucrânia
Rose e mais seis mães brasileiras se uniram logo quando começou o conflito com a Rússia

A saída das tropas russas de várias localidades próximas de Kiev ocorreu depois do fracasso na tentativa de cercar a capital. As autoridades ucranianas anunciaram que Bucha foi 'libertada', mas os combates e bombardeios deixaram um panorama apocalíptico.

“Região de Kiev. Inferno no século 21. Os corpos de homens e mulheres que foram mortos com as mãos amarradas. Os piores crimes do nazismo estão de volta à Europa. Isso foi feito deliberadamente pela Rússia”, publicou o assessor da Presidência ucraniana, Mykhailo Podoliak, no Twitter.

Corpos foram encontrados na rua (VADIM GHIRDA / ASSOCIATED PRESS / ESTADÃO CONTEÚDO)

O presidente da Câmara de Kiev, Vitali Klitschko, também reagiu e classificou de “genocídio” as alegadas execuções sumárias de várias centenas de civis no subúrbio de Bucha e em outras áreas ao norte da capital ucraniana.

Além dos cadáveres espalhados pela rua, o que se viu foi uma cidade completamente destruída, com grandes buracos em prédios residenciais e carros destruídos em vários locais.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO