Pela Série C, Remo empata com Botafogo e aumenta jejum de vitórias para sete jogos

Leão continua em terceiro, agora com 10 pontos

Andre Gomes

Sem ganhar há seis partidas, o Remo entrou em campo no início da noite deste domingo (20) e não passou de um empate sem gols - a terceira partida que termina em 0 a 0 na rodada - com o Botafogo-PB, no Mangueirão. Com o empate, o Leão continua na zona de classificação para o mata-mata, mas vê os adversários se aproximarem. O Belo também permanece na posição inicial, em oitavo.

VEJA COMO FOI O JOGO PELO LANCE A LANCE

Sem ganhar seis partidas, o Remo entrou em campo no início da noite deste domingo (20) e não passou de um empate sem gols - a terceira partida que termina em 0 a 0 na rodada - com o Botafogo-PB, no Mangueirão. Com o empate, o Leão chega aos 10 pontos, continua na zona de classificação para o mata-mata, mas vê os adversários se aproximarem. O Belo também permanece na mesma posição, em oitavo, agora com sete pontos.

ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS DA PARTIDA

 

PRIMEIRO TEMPO

 

Atendendo aos pedidos da torcida azulina, o técnico Mazola Junior tirou um dos volantes do time titular - Gelson - e colocou o meia-atacante da base Hélio Borges. Outra mudança foi a entrada do zagueiro Fredson, após a punição que recebeu depois de ser expulso no Re-Pa, na final do Parazão. Já o atacante Gustavo Ermel substituiu o agora ex-Remo Zé Carlos.

O Remo começou bem o jogo e logo aos cinco minutos, o atacante Tcharlles cruzou para a área e o volante Lucas Siqueira, livre de marcação, cabeceia errado, para fora. Logo em seguida, foi a vez do Botafogo-PB ir para o ataque. No levantamento à área, Ramon caiu, pediu um pênalti, mas o árbitro nada marcou.

A partir daí, o Leão até conseguiu ter alguns contra-ataques, no entanto, cedeu a bola para o adversário. O Botafogo, com mais posse, criou diversos lances de perigo e colocou os donos da casa em apuros.

 

SEGUNDO TEMPO

 

No segundo tempo, o panorama se manteve por boa parte de desta etapa. Aos 19, o grande susto para o Remo: Rodrigo Andrade cobra escanteio na medida e Lohan cabeceia para dentro do gol. No entanto, o árbitro anula após marcar uma falta do jogador do Bota em cima do zagueiro Gilberto Alemão. Pouco depois, o lateral-esquerdo Marlon chutou forte de fora da área e o goleiro adversário segurou firme.

Após os 30, o Remo subiu as linhas para tentar pressionar o Botafogo-PB, mas foi na bola parada que teve perigo. Em cobrança de escanteio de Eduardo Ramos, Fredson chegou livre e cabeceou. A bola foi para fora, mas assustou o goleiro Samuel.

Aos 36, falta dura em cima de Tcharlles fora da área. Donato já tinha cartão amarelo, recebeu o segundo e foi expulso. Charles cobrou direto para o gol e Samuel, com a ponta dos dedos, colocou para escanteio. Marlon cruzou e Eduardo Ramos cabeceou para o gol, mas o goleiro adversário tirou o gol da vitória do Remo.

 

FICHA TÉCNICA

Local: Mangueirão – Belém (PA)

Horário: 18h

Data: 20.09.2020

Árbitro: Alinor Silva da Paixão (MT)

Auxiliares: Marcelo Grando (MT) e Fernando Kruger (MT)

Cartões amarelos: Gilberto Alemão, Fredson, Tcharlles e Eduardo Ramos (Remo); Marcos e Marcelo (Botafogo)

Cartões vermelhos: Donato (Botafogo)

Gols: Não houve

REMO: Vinícius; Rafael Jansen, Gilberto Alemão, Fredson, Marlon; Charles, Hélio (Dioguinho), Lucas Siqueira e Carlos Alberto (Eduardo Ramos); Gustavo Ermel (Wallace) e Tcharlles. Técnico: Mazola Júnior.

BOTAFOGO: Samuel; Marcos, Marcelo, Donato e Cristianno; Juninho (Erivelton), Higor (Léo Moura), Ramon (Dico), Vitinho e Rodrigo Andrade; Lohan (Luis Gustavo). Técnico: Rogério Zimmermann.

Remo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES