#if(!$m.request.preview.inPreviewMode)
CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X
#end

Dona Chiquinha: torcedora do Paysandu de 114 anos viu todos os 50 títulos do Parazão do clube

Nascida antes mesmo do clube, torcedora relembra paixão pela equipe bicolor que já dura mais de um século

Aila Beatriz Inete
fonte

Francisca Bolonha da Trindade, conhecida como Dona Chiquinha, é torcedora do Paysandu há mais de um século. Moradora do município de Igarapé Açu, ela nasceu antes do clube bicolor ser criado, em 1910. Aos 114 anos, ela coleciona memórias imperdíveis de alguém que viu todos os títulos do seu time do coração.

No último domingo (14), o Paysandu conquistou o título do Campeonato Paraense 2024. Diante da torcida bicolor, no Mangueirão - maior palco do esporte no Pará - o clube bicolor levantou a taça de número 50 da sua história e mais uma para a coleção de memórias de Dona Chiquinha.

VEJA MAIS 

image Paysandu divulga bastidores da final do Parazão e artilheiro ressalta: ‘tensão do maior do norte’
Nos vestiários, momentos antes da entrada em campo, três personagens chamaram a responsabilidade na hora de motivar a equipe: Nicolas, Robinho e Hélio dos Anjos.

image Parazão 2024 registra quase 300 mil pagantes em 61 jogos, diz relatório final da FPF
A entidade divulgou nesta segunda-feira um documento com todas as informações da 112ª edição do Campeonato Paraense, a 50ª conquistada pelo Paysandu, o campeão de fato e de direito

image Meio século de conquistas! Paysandu é campeão do Parazão e abre vantagem em títulos sobre o Remo
Papão conquistou neste domingo (14), no Mangueirão, o seu 50º título do Campeonato Paraense. O Papão possui na história meio século de triunfos tem a hegemonia no futebol estadual.

Em entrevista gravada para o colunista de Oliberal.com Carlos Ferreira, a torcedora centenária falou sobre a paixão pelo clube, que começou ainda quando ela era criança e se intensificou ao longo dos anos.

 

"Desde menina [torço pelo Paysandu]. [Na época] Eu já trabalhava e começou esse negócio de jogo e eu me engracei pelo Paysandu", relatou Dona Chiquinha, com a voz embargada pelo tempo.

Quem vê Dona Chiquinha hoje pode não imaginar o tamanho da paixão pelo Bicola, mas, durante a juventude, ela revelou que discutia com os rivais e esteve até disposta a deixar o marido, que era torcedor do Remo.

"Casei no católico. Naquela época a gente não tinha direito de nada. Com uns dois meses de casada ele disse: 'Olha, se você não virar remista junto comido, eu vou lhe deixar'. E eu disse: 'Pode deixar, eu já vou embora'", relembrou. "Eu não deixo de ser Paysandu, durante a minha vida vou ser Paysandu", enfatizou a torcedora fiel.

image Dona Chiquinha tem 114 anos e nasceu antes do Paysandu ser criado (Divulgação)

O primeiro título estadual que Dona Chiquinha viu foi aos 10 anos. Em 1920, o time bicolor conquistou o primeiro Parazão. Naquela decisão, o Paysandu venceu o Remo pela primeira vez em uma final. Após aquele, vieram outros 49 campeonatos, imperdíveis para a torcedora.

Além dos estaduais, Francisca viu os títulos da Copa Verde, Série B do Brasileirão, participações na Série A, Copa Libertadores e todas as demais conquistas do Papão.

Hoje, por conta da idade avançada, Dona Chiquinha não vai mais para estádios acompanhar os jogos, mas escuta tudo por meio de um rádio, presente do marido de uma das netas. No sítio onde mora, a torcedora que completará os 114 anos dia 24 de abril, cultiva as memórias da juventude e o amor pelo Papão da Curuzu.

"Acompanhei os 50 [títulos] do Paysandu. Sou muito feliz e agradeço a Deus por fazer ele ganhar o tempo todo. Parabéns nação bicolor, me sinto muito feliz em ser Paysandu e me sinto muito feliz em ver vocês serem torcedores", concluiu Dona Chiquinha.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Paysandu
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES