Pai de Lyoto Machida, Yoshizo vira 8º Dan no Japão e se aproxima de virar "imortal" no Karatê

Há mais de 30 anos em Belém, o sensei revolucionou o esporte na América Lantina

Redação Integrada

O mestre de karatê Yoshizo Machida, pai do lutador paraense Lyoto Machida, recebeu em Tóquio, Japão, o oitavo título Dan. Reconhecimento internacional da Associação Japonesa de Karatê (JKA), a premiação é destinada àqueles que dedicam suas vidas à arte marcial. A cerimômina ocorreu na última quinta-feira (11).

Yoshizo, que vive há mais de 30 anos em Belém, se dedica ao karatê desde o início da década de 60, são mais de 60 anos na modalidade. Em 1968, o mestre imigrou para o Brasil e iníciou sua contribuição para a consolidação do esporte na América Latina.

Criador do estilo Machida Karatê, uma variação do estilo Shotokan-ryu, que foca na defesa pessoal e carregava a filosofia da família, Yoshizo Machina é o segundo sensei do Brasil a receber o diploma. O reconhecimento é recomendado por um comitê de mestres japones para pessoas com mais de 60 anos.

"O 8º Dan reforça o reconhecimento internacional do trabalho realizado nos últimos anos para a propagação e valorização do karatê no Brasil", destacou Machida.

Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!