Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Paraense conquista Campeonato Brasileiro de Triathlon Sprint e vaga para o Mundial

Maria Elitelma de Matos é de Marabá e disputou a competição em Maceió, no Alagoas

Aila Beatriz Inete

A paraense Maria Elitelma de Matos, de 57 anos, se tornou campeã brasileira de triathlon na categoria de 55 a 59 anos. A conquista veio no Campeonato Brasileiro de Triathlon Sprint, realizado em Maceió, no Alagoas, na última semana. Com isso, a atleta conseguiu uma vaga no Mundial, que ocorre em Hamburgo, na Alemanha, sem data definida. 

“Foi a realização de um sonho que eu vinha buscando há um ano, treinando sozinha nas madrugadas, longe do convívio familiar em alguns momentos e tendo que conciliar com o trabalho” disse Maria. 

VEJA MAIS 

Do sedentarismo ao Iron Man, triathlon leva paraense de Barcarena para a Europa
Claudinei Souza deixa para trás lesão no joelho e passado sem exercícios após descobrir, por acaso, como a rotina de triatleta transformaria sua vida

Triathlon paraense: Triatletas criam Liga para movimentar a modalidade no estado
Com a retomada das atividades causada pelo bandeiramento verde na região, um grupo de atletas se reorganizou para promover competições e reaquecer o esporte no Pará

Federação Paraense de Triathlon busca parceiros para levantar esporte no estado e mira lançar escolinhas
Sem muito apoio, entidade corre atrás para alavancar a carreira de atletas de alto rendimento, como Claudinei Santos

A atleta é natural de Marabá, mas desde 2021 é associada à Federação Baiana de Triathlon, já que a paraense não é ativa. Maria participou de várias competições amadoras regionais até chegar no campeonato baiano e vencer. 

“Tinha um objetivo de participar de um Campeonato Brasileiro e para isso precisava me filiar a uma federação de triathlon. E no Pará ainda não tem uma federação ativa. Então, escolhi a federação baiana porque já conheço a história do esporte por lá e me senti muito acolhida”, contou a atleta. 

No triathlon sprint o atleta tem que fazer 750 metros de natação, 20 quilômetros de bicicleta e cinco quilômetros de corrida. Para o Campeonato Mundial, a paraense disse que o objetivo é ficar, no mínimo, entre os 20 melhores atletas do mundo.

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES