Mesmo lesionada, paraense conquista dois ouros no Campeonato Pan-Americano de Karatê no Chile

Manuela Oliveira ficou em primeiro lugar nas categorias kata e kumitê no último final de semana

Aila Beatriz Inete
fonte

O Pará tem se destacado cada vez mais em disputas de esportes de combate. A última delas foi neste mês de novembro, em Santiago, no Chile, no Campeonato Pan-Americano de Karatê JKA (Japan Karate Association). Os atletas paraense conquistaram 15 medalhas, sendo sete de ouro, cinco de prata e três de bronze. 

Um dos destaques da competição foi a atleta Manuela Oliveira, de apenas 13 anos. A paraense conquistou dois ouros, um na categoria kata e outro na kumitê. Além disso, ela ainda ficou com o bronze no kata por equipe. 

VEJA MAIS 

image Atleta paraense vence pan-americano de karatê sub-12
Giulia Petra Santos ganhou primeiro torneio internacional de kata em Santiago, no Chile

image Delegação paraense garante 19 medalhas de ouro em torneio mundial de karatê; veja o quadro completo
Além dos ouros, equipe angariou mais 27 pratas e 23 bronzes na competição, que contou com atletas de 18 países

A mãe de Manuela, Lorena Oliveira, destacou que a filha foi guerreira na competição, pois a atleta está com uma cirurgia marcada para o dia 27 de novembro para tratar uma atrofia nos dois pés

“Foram meses difíceis para a Manu, como [ocorre] na vida de qualquer atleta. Falta o incentivo financeiro mensal para custear a preparação diária dela. A Manu faz fisioterapia para aliviar as dores, tem os suplementos, o personal e o técnico, a academia que temos que pagar, tudo tem um custo alto, não só durante o campeonato. A Manuela fará uma cirurgia nos dois pés dia 27 de novembro por conta de uma atrofia e por esse motivo foi muito guerreira, sentiu dores e abriu mão de fazer essa cirurgia antes de ir para a competição. Então, foi de extrema importância para nós esse resultado porque foi fruto do esforço e dedicação extrema dela como atleta e ser humano”, destacou Lorena. 

image Manuela fará uma cirurgia nos pés no dia 27 de novembro (Divulgação)

A preparação de Manuela começou no ano passado, segundo a mãe. Foram meses de dedicação, com treinos de karatê, musculação e tendo acompanhamento de profissionais da nutrição e psicologia. Lorena ressaltou que apesar de toda a rotina de um atleta profissional, a paraense também tem a “vida criança normal”. 

Manuela conseguiu uma ajuda do Governo para participar do campeonato. No entanto, os custos eram muito altos e a família precisou fazer uma campanha para arrecadar a quantia necessária para a disputa do campeonato. 

“Tivemos ajuda também da campanha pix e foi incrível, uma corrente de amor que tomou conta do Estado, tivemos ajuda de várias pessoas, principalmente de amigos, e de gente de outros Estados. Tudo isso para que Manu conseguisse ir para o Pan-americano representar o país. Foi uma linda corrente do bem”, declarou Lorena. 

Outros paraenses também foram destaque no Pan-Americano

Além de Manuela, outros paraenses também se destacaram na disputa. Arthur Nogueira também conquistou dois ouros (kumitê e kata por equipe). Lairton Leão e Giulia Petra também garantiram, cada, uma medalha de ouro no kata. 

image Pará conquistou 15 medalhas no Pan-Americano de karatê (Divulgação)

Nicolas Magalhães ficou com o ouro no kata por equipe e prata no kumitê. Jackson Oliveira, ganhou as medalhas de prata e bronze no kumitê. Já o atleta Leonardo Oliveira conquistou o vice no kata individual, assim como Bruna Robert no kata individual e por equipe. A atleta ainda garantiu um bronze no kumitê individual.

(Aila Beatriz Inete, estagiária, sob supervisão de Pedro Cruz, coordenador do Núcleo de Esportes)

Palavras-chave

Mais Esportes
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES