Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Jóqueis percorrem mais de 160 quilômetros em corrida de cavalo marajoara

Evento reuniu milhares de pessoas nas cidades de Soure, Salvaterra e Cachoeira do Arari.

O Liberal

Quatro municípios do Marajó receberam neste final de semana mais uma edição da tradicional Corrida do Cavalo Marajoara. O evento foi assistido por milhares de pessoas nos municípios de Soure, Salvaterra e Cachoeira do Arari.

A competição começou na cidade de Cachoeira. De lá partiram, no sábado, cerca de 80 vaqueiros. A competição é uma espécie de teste da resistência e da habilidade do cavalo marajoara e jóquei.

O festival é uma competição que existe há mais de trinta anos. O evento representa uma confraternização entre os vaqueiros e pecuaristas da região, que escolhem e tratam dos animais, treinam nos campos durante o ano para fazer bonito no certame. É a segunda maior corrida de cavalo do mundo em distância, perdendo apens para um torneio dos EUA.

Na versão 2021, o evento foi planejado com um percurso de 160 quilômetros, sendo que no primeiro dia, os competidores se esforçam pra vencer os obstáculos de 100 quilômetros, cavalgando por campos de diversas fazendas da região. Há momentos do trajeto em que os vaqueiros correm a pé de 30 a 40 quilômetros, a fim de poupar a montaria. Tudo para que o animal esteja descansado para o segundo dia, e buscar a vitória final.

Ao final, o grande vencedor foi o cavalo Galigan conduzido pelo vaqueiro Tio Rubens, de 53 anos, morador de Soure. Em segundo lugar ficou o cavalo Astro, de Salvaterra, e em terceiro o cavalo Graveto, de Cachoeira do Arari.

Paralela à corrida, a programação foi contemplada com outras atividades típicas do evento. Os vaqueiros disputaram o basquete em cavalo, corrida de búfalos, torneio de argola, sela mais rápida de montar e a tradicional luta marajoara.

Uma feira gastronômica e artesanal, promovida com apoio do Sebrae, que organiza o empreendedorismo na região, também valoriza o evento que a cada ano cresce fortalecendo a eonomia, a cultura e o turismo da região. 

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES