F1: Carro de Gasly pega fogo no treino livre, mas piloto sai sem ferimentos

Corredor da AlphaTauri foi atendido por mecânico da Aston Martin.

Caio Maia

Os fãs de Fórmula 1 levaram um grande susto na manhã desta sexta-feira (30). Durante a sessão de treinos livres do Grande Prêmio de Singapura, o carro do piloto francês Pierre Gasly pegou fogo, quando estava com motor desligado. O corredor da AlfaTauri foi logo atendido e saiu do veículo sem nenhum tipo de queimadura.

VEJA MAIS

F1: Após passar por cirurgia de emergência, Albon volta para o GP de Singapura: ‘Me sinto pronto'
Piloto tailandês teve apendicite e ainda precisou ser entubado por conta de complicações com a cirurgia

F1: Verstappen bicampeão? O que o holandês precisa para chegar ao título no GP de Singapura; veja
Holandês pode fazer história no próximo final de semana e vencer o campeonato com cinco corridas de antecedência

F1: Williams não renova com Nicholas Latifi para 2023 e grid tem quatro vagas abertas
Piloto canadense estreou na Fórmula 1 em 2020, mas não conseguiu um bom desempenho na categoria

As chamas começaram no veículo e deixaram os mecânicos assustados. Entretanto, tudo foi controlado rapidamente por um mecânico da Aston Martin, equipe que fica ao lado da AlphaTauri no pitlane.

Quando retornou ao treino, Gasly não fez um bom tempo. O francês ficou com a 14º melhor marca do dia e seu companheiro de equipe, Yuki Tsunoda, precisou abandonar a sessão por problemas no sistema de abastecimento.

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES