Clubes desistem e Paraense de basquete adulto só terá Remo e Paysandu

O certame estadual será disputado turno único com início no próximo mês

Braz Chucre

O campeonato paraense de basquete adulto masculino voltará a ter apenas Remo e Paysandu na disputa. Há quatro anos, a competição vinha tendo até cinco participantes como em 2018. Já em  2017, foram quatro e nos anos de 2016 e 2015 contou com três equipes. Na tabela divulgada pela FPB (Federação Paraense de Basquete), o campeonato será disputado num playoff de cinco jogos, a partir do novembro.

Há dois anos participando do campeonato, o Sport Belém Basquete (SBB) está fora da competição. De acordo com o diretor da clube, André Dias, a federação estabeleceu um para inscrição, sem no entanto, apresentar modelo da competição.

"Na verdade esse ano, a FPB estipulou um prazo para a confirmação das equipes sem antes informar a forma de disputa. Então, não ficamos interessados em participar sem que soubéssemos a forma de disputa, data e regulamento", explicou. O SBB participa do Campeonato da Nossa Liga de Basquete (NLB) que reúne vinte equipes amadoras.

A Tuna, terceira colocada de 2018, também não teve interesse em manter-se no campeonato por conta do alto custo. Segundo o diretor Rafael Gonçalves, a Tuna teve um gasto de quase 30 mil em 2018. "Foi muita despesa. Vamos em 2020 participar da NLB que é menos onerosa e tem mais times jogando", avaliou.

Rivalidade

Remo e Payandu, são os maiores vencedores do basquete estadual (35 do Papão e 28 do Leão), sendo que Bicola foi campeão de 2018 quebrando a hegemonia azulina de quatro anos consecutivos.

O Paysandu, de acordo com o diretor Alexandre Moreira, vai trazer três reforços de fora e mais o treinador. "Vamos nos reunir nos próximos dias para definirmos a situação", contou. A ideia de Alexandre é contar outra vez com o técnico Julio Malf pelo excelente trabalho no Moura Carvalho na temporada passada.

No Remo, por enquanto, nada foi decidido em termos de reforços e contratação de treinador. Miguel Lobato (Miguel 34), colaborador do setor basquetebolista do Leão, explicou que tudo depende do orçamento do clube, porém, a prioridade é pelos jogadores da casa.

Tabela

1 - 19/11 - Terça-Feira - 20h - Moura Carvalho - Paysandu x Remo

2 - 22/11 - Sexta-feira - 20h - Serra Freire - Remo x Paysandu

3 - 29/11 - Sexta-feira - 20h - Moura Carvalho - Paysandu x Remo

4 - 3/12 - Terça-feira - 20h - Serra Freire - Remo x Paysandu

5 - 6/12 - Sexta-Feira - 20h - Moura Carvalho - Paysandu x Remo

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!