Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Com cinco derrotas seguidas, técnico pede demissão e não comanda mais o Independente

Charles Guerreiro deixa o comando do Galo

Braz Chucre

É notório no futebol brasileiro: quando o time não ganha jogos sempre sobra para o técnico. A realidade atinge o técnico Charles Guerreiro - depois de cinco jogos sem vencer no comando do Independente, ele pediu demissão nesta segunda-feira.

Guerreiro não pôde dirigir o time diante do Bragantino no domingo (11) por conta do resultado do teste da covid-19 que não veio no devido tempo e que deixou o profissional à parte do jogo. Além dele, também passaram pela mesma situação os jogadores Gabriel e Marcio Telê, cujos testes não foram enviados.

O Independente faz uma das piores apresentação numa competição brasileira. É lanterna do grupo A1 com doze gols sofridos e dois marcados. Ele se junta com Palmas – TO, Toledo – PR, times que ainda não venceram.

Quarta-feira (14), o Galo recebe o Atlético-AC, no estádio Navegantão, às 16h. O time pode ser comandado pelo auxiliar Carlos Rocha que dirigiu a equipe em Bragança, na ausência de Charles Guerreiro.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES