Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Casal Re-Pa: pandemia, encontro em supermercado, amor, zoeira e rivalidade de quem vive Leão e Papão

Beatriz Reis e Adriano Cordovil estão há quase dois anos juntos e se conheceram no lançamento do Parazão 2020. Casal escolheu um supermercado, único lugar aberto na pandemia, para o primeiro encontro

Fábio Will

Belém “respira” futebol e a rivalidade entre Remo e Paysandu, que é uma das mais acirradas do país, também é compartilhada em casa, pelo casal de namorados Beatriz Reis e Adriano Cordovil, que estão juntos há quase dois anos, mas que se conheceram no lançamento do Parazão e tiveram como palco do primeiro “encontro” um supermercado, no meio da pandemia.

Whatsapp: saiba tudo sobre Remo.Recêêêba!

Whatsapp: saiba tudo sobre Paysandu. Recêêêba!

Assista

Ela do Papão da Curuzu e ele do Leão Azul, dois apaixonados por futebol, que hoje vivem um amor cheio de rivalidade, zoação e cumplicidade, mas que na hora do Re-Pa é “cada um com os seus problemas”.

VEJA MAIS

Torcedora do Paysandu pedida em casamento no Re-Pa revela: 'Jamais esperava'
Casal é natural do município de Castanhal e relacionamento começou há um ano

Amor, arquibancada, futebol, Remo e um pedido de noivado no Mangueirão; saiba mais
Jovem Emanoel Corrêa pediu a namorada Taiane Alves em noivado, no intervalo de um jogo do Remo, no gramado do Mangueirão

Respeito à diferença une casal de torcedores de Remo e Paysandu
Jairo e Marília querem inspirar outras pessoas por meio do amor entre eles

Beatriz e Adriano se conheceram no lançamento do Campeonato Paraense 2020, que ocorreu no Centur, em Belém. Ele representando a página do Futebol Zueiro e ela a página do Resenha Re-Pa. Os dias foram passando, as conversas avançando e o interesse entre os dois cada vez maior, porém, no meio de tudo, veio a pandemia e tudo fechado, menos o supermercado. Como os dois eram responsáveis pelas compras de suas respectivas casas, o supermercado foi a saída para que o tão desejado encontro ocorresse.

“Nós tivemos essa ideia do supermercado. Tinha a questão da pandemia e éramos os responsáveis pelas compras das nossas residências, além de ser o único lugar aberto naquele momento”, disse, Beatriz.

Beatriz e Adriano se conheceram na apresentação do Campeonato Paraense de 2020 (Cristino Martins / O Liberal)

 

Nesse período juntos, Remo e Paysandu decidiram duas vezes Parazão e um acesso para a Série B, com um título estadual para cada e um acesso para a Série B. Adriano falou que a subida para a Segunda Divisão foi uma sensação maravilhosa, que contrastava com a tristeza de Beatriz.

“Foi um misto de sentimentos. Ao mesmo tempo que era confortante subir com vitórias decisivas em cima do Paysandu, convivia com a tristeza pelo lado dela”, falou.

Por outro lado, Beatriz teve que “engolir” o acesso rival, mas o amor falou mais alto e no fim a felicidade do namorado compensou.

“Foi horrível [presenciar o Remo subindo], principalmente em cima do meu clube do coração, mas por outro lado fiquei feliz pelo Adriano, do clube que ele torce ter retornado à Série B depois de tanto tempo”, contou.

Em meio à zoeira, Beatriz e Adriano reforçam a importância da dupla Re-Pa na vida do casal (Cristino Martins / O Liberal)

 

 

 

 

 

 

O relacionamento de Beatriz e Adriano praticamente é levado pela dupla Re-Pa. A rivalidade, as brincadeiras, tudo isso depende de como o Papão e Leão estão na tabela.

“O Re-Pa é um tempero especial no nossos relacionamento. É saudável, nos respeitamos, mas sempre rolam as zoeiras e as encarnações quando o rival perde (risos)”, comentou, Beatriz.

Casal no primeiro encontro em um supermercado de Belém

Dia de clássico

Mas no dia do clássico a tensão é geral entre o casal, o dia começa cedo com hino dos clubes e Beatriz relata que Adriano possui um “ritual” no dia de jogos e que ela é mais comedida.

“É um dia de bastante tensão para os dois. Ele sempre coloca as músicas do Remo, é quase um ritual para ele. Já o pós-jogo só acontece a encarnação de ou dois dias depois, pois entendemos que o amor pelo clube é algo sagrado e os sentimentos estão aflorados”, comentou.

A primeira vez

Adriano vive a experiência de ter pela a primeira vez um relacionamento com uma torcedora do Paysandu e isso vem sendo especial para torcedor azulino.

“É a primeira vez e está sendo muito boa. Deu certo essa contraste de Remo e Paysandu na relação”, contou.

O presente

Na semana dos namorados, Beatriz e Adriano querem de presente a boa fase do Papão e do Leão na Série C e que no final, os dois maiores clubes do Estado retornem à Série B do Campeonato Brasileiro.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES