Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Atacante Paulo Rangel contesta trabalho de diretor de futebol e diz: 'Está afundando a Tuna'

Paraense Paulo Rangel não renovou contrato com a Lusa para o restante da Série D

Fábio Will

O atacante Paulo Rangel teve seu contrato encerrado com a Tuna na última semana e não renovou. O jogador conversou com a equipe de O Liberal e afirmou que existiu uma promessa de aumento salarial, mas que não foi cumprida pela Lusa e questionou a administração do diretor de futebol cruzmaltino, Rosivaldo Silva

VEJA MAIS

Após dispensas de jogadores e membros da comissão, executivo de futebol da Tuna entrega o cargo
Vinícius Pacheco confirmou a saída da Tuna, mas não seu detalhes.

Em carta aberta, torcida organizada da Tuna cobra renúncia da presidência: 'tenham essa grandeza'
De acordo com o MUC, a direção do clube foi responsável por "derrubar o trabalho que resgatou a Tuna".

Tuna prorroga contrato com quatro jogadores para o restante do Brasileirão Série D
Nomes dos quatro atletas foram publicados no Boletim Informativo Diário da CBF (BID)

Aos 37 anos e artilheiro do Parazão por dois anos seguidos vestindo a camisa da Tuna, o atacante paraense Paulo Rangel abriu o jogo sobre a sua não permanência na Águia Guerreira para o restante da Série C do Brasileirão. O jogador questionou o trabalho de Rosivaldo Souza à frente do futebol tunante e afirmou que tinha a promessa de aumento salarial.

“Dublê [de diretor] na verdade. Tá afundando a Tuna”, disse sobre Rosivaldo Souza.

O atacante contou sobre a situação da não renovação e sem revelar valores, disse aguardar receber da Tuna para falar mais sobre a situação na Vila Olímpica.

“Tem pessoas lá dentro que sabem [do aumento salarial]. Eu não sou louco de cobrar algo que não me prometeram. Ainda não recebi propostas e agora é esperar o que tenho para receber e vou dar uma entrevista falando tudo. A imprensa vai saber o que rola de verdade lá dentro”, falou.

Rosivaldo Silva informou que contrato de Rangel terminou e que ninguém na Tuna tinha prometido aumento salarial ao jogador. 

“Ele alegou ter uma promessa de aumento salarial, mas isso não partiu da Tuna. Algum colaborador deve ter prometido isso a ele, não a Tuna. Ele não aceitou permanecer com a mesma base salarial e achou melhor não ficar”, disse o diretor da Lusa em entrevista ao O Liberal na tarde de segunda-feira (23).  

Paulo Rangel atuou em 2020 na Tuna, na disputa da Segundinha, onde conquistou o título da competição e o acesso para elite do futebol paraense. Em 2021 foi artilheiro da Lusa no Parazão com nove gols, ficando com vice do Parazão. Na atual temporada Rangel fez 19 jogos e balançou as redes nove vezes, ele foi o artilheiro mais uma vez do estadual e a Águia ficou na terceira colocação.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES