Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Altos-PI pode perder pontos na Série C por possível escalação irregular de Paulo Rangel; entenda

Equipe venceu o Remo na última rodada da Terceirona, mas irregularidade ocorreu em partida contra o Ferroviário-CE.

Caio Maia

O atacante paraense Paulo Rangel está no centro de um imbróglio judicial nesta semana. O Ferroviário-CE protocolou nesta segunda-feira (20) uma notícia de infração contra o Altos-PI por uma suposta escalação irregular do jogador. De acordo com a denúncia, Rangel atuou na vitória da equipe do Piauí sobre o Ferrão, pela 10ª rodada da Série C, sem estar inscrito na súmula da partida.

VEJA MAIS

Após deixar a Tuna, Paulo Rangel acerta com adversário de Remo e Paysandu na Série C
Jogador paraense está de malas prontas para viajar para Teresina (PI), onde irá defender o Altos-PI, no Brasileiro Série C

Ex-Paysandu, Paulo Rangel se despede da Tuna Luso e solta farpas nas redes sociais
Jogador e a Lusa não chegaram a um acordo pela renovação de contrato; PR9 já havia contestado o trabalho do diretor de futebol da Águia Guerreira

Atacante Paulo Rangel contesta trabalho de diretor de futebol e diz: 'Está afundando a Tuna'
Paraense Paulo Rangel não renovou contrato com a Lusa para o restante da Série D

O técnico foi regularizado no Boletim Informativo Diário (BID) e ganhou permissão para atuar pelo Altos na Série C. No entanto, o nome do jogador não constava na súmula de inscritos antes da partida. Além de entrar em campo, Paulo Rangel anotou o gol que deu a vitória ao Altos por 1 a 0 contra o Ferrão.

No entanto, há a possibilidade de ter havido um erro na formação da súmula. Dentre os jogadores do Altos contidos no documento, não há o nome de Paulo Rangel do Nascimento Gomes, mas sim o de Paulo Rodrigo da Silva, o Azulão, que sequer foi relacionado.

Nome de Paulo Rangel não constava em súmula do Altos-PI (Divulgação/ CBF)

O Artigo 73 do Regulamento Geral de Competições da CBF determina que uma partida só terá início após a validação da escala de jogadores contidas na súmula. O documento deve ser conferido pelo 4º árbitro e pelo delegado do jogo. A entrada de Paulo Rangel em campo, mesmo com o nome errado na pré-escala, pode ser vista como um erro de arbitragem.

Se condenado, o Altos pode ser enquadrado no Artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva e ser punido com perda de pontos mais o pagamento de multa. Caso seja condenado no Artigo 191 do CBJD, ele será punido apenas com pagamento de multa.

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) notificou o Altos da ação e deu ao clube um prazo de 72h para se manifestar sobre o caso.

Paulo Rangel, 37 anos, teve passagens por alguns clubes do Pará como São Raimundo, Paysandu, Tuna Luso, Paragominas e Pedreira. Atuou fora do país em Portugal, Emirados Árabes Unidos, Malásia e também na Tailândia. No Brasil defendeu clubes tradicionais como América-RN, Santa Cruz-PE, Caxias-RS, Londrina-PR e Madureira-RJ. Na atual temporada realizou 19 partidas pela Tuna e marcou nove gols.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES