Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Após caso Gedoz, relembre quatro 'novelas' que movimentaram o futebol paraense

Longas negociações deixaram torcedores ansiosos pelas chegadas ou retornos de xodós da galera

Redação Integrada

O Clube do Remo vive verdadeira novela para tentar permanência do meia Felipe Gedoz, jogador que virou destaque da equipe azulina na reta final da Série C e disputa da Copa Verde. Gedoz, aliás, integra lista de outros jogadores bem quisto pelo torcedor paraense, nos dois lados da Almirante Barroso, mas com finais felizes demorados.


Bruno Veiga:

Após brilhar com a camisa do Paysandu na Série C 2014, se transformando em destaque do time e xodó da torcida, o atacante retornou ao clube bicolor no ano de 2016. Antes do acerto, o torcedor bicolor viveu grande expectativa e acompanhou longo período de negociação.

Ao retornar, Bruno acabou não tendo o mesmo rendimento da primeira passagem, mesmo com contrato longo, que culminou em batalha judicial entre clube e jogador após a rescisão e não cumprimento de acordo.

Bruno Veiga foi muito festejado pela Fiel após namoro para acerto (Divulgação/Ascom Paysandu)


Edno:

Edno foi um dos destaques do Remo no ano de 2015, primeiro ano de Série C após anos do clube na Quarta Divisão. Com gols e boa exibições, o jogador não conseguiur dar o acesso ao Leão, mas deixou 'gostinho de quero mais' para o torcedor. Depois de mensagens carinhosas para o clube azulino e muito flerte com as respectivas diretorias, Edno finalmente retornou no ano de 2019, mas não conseguiu repetir o mesmo desempenho de outrora.

Legenda (Fábio Will / O Liberal)


Tiago Luís:

Um dos grandes xodós do Paysandu na última década, o meia Tiago Luís retornou ao Paysandu no ano de 2019, cercado de muita expectativa. Depois de jogar Série B pelo Papão em grande nível, em 2016, Tiago voltou pra jogar a Terceirona, depois de período considerável de negociação. O torcedor bicolor viveu semanas de espera para o retorno do atleta querido pela Fiel. Dando pinta que poderia 'deitar', Tiago mostrou nítida falta de ritmo de jogo e conviveu com lesões e não emplacou. 

Legenda (Claudio Pinheiro / O Liberal)


Eduardo Ramos:

Grande ídolo da nova geração de torcedores do Clube do Remo, as saídas de Eduardo Ramos do clube eram seguidas de perguntas de 'Quando ele volta ?'. Depois da diretoria negar e alguns torcedores 'desistirem', além de áudios dos pais do atleta em grupos de redes sociais, ER retornou em 2019, após ser destaque em campanha de acesso do Cuiabá-MT para a Série B, em 2019.  Eduardo jogou bem pelo Leão, após o retorno, e finalizou sua passagem pelo Clube de Periçá com o acesso para a Série B 2021.

Legenda (Akira Onuma / OLiberal)
Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES