Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Na Suíça, Helder Barbalho apresenta chocolate do Pará premiado em Paris como modelo de produção

Governador se reuniu com investidores estrangeiros e falou sobre as ações do Estado de combate ao desmatamento, além das oportunidades de desenvolvimento sustentável

O Liberal

O governador do Pará, Helder Barbalho, participou de uma reunião com investidores na Universidade de Zurique, na Suíça, durante a programação do Fórum Econômico Mundial, que vai até 26 de maio, em Davos. Na oportunidade, foram apresentadas ações do Estado contra o desmatamento ilegal e em prol da sustentabilidade.

VEJA MAIS

Governador Helder Barbalho vai se reunir com investidores internacionais em Zurique, na Suíça
Nesta terça-feira, ele vai apresentar as ações que estão sendo realizadas pelo Pará contra o desmatamento ilegal e de incentivo à bioeconomia

Governador do Pará está em Davos, na Suíça, para participar do Fórum Econômico Mundial
Além de Helder Barbalho, comitiva paraense conta com o secretário de Meio Ambiente, Mauro Ó de Almeida, o adjunto de Gestão de Recursos Hídricos e Clima, Raul Romão, o Coordenador de Relações Internacionais, Everton Vargas e a Diretora de Bioeconomia, Mudanças Climáticas e Serviços Ambientais, Camille Bemerguy

Governo do Pará apresenta números do desmatamento em reunião do Conselho Nacional da Amazônia Legal
Evento contou com a participação do vice-presidente Hamilton Mourão e do governador Helder Barbalho

Participaram do encontro executivos de grandes empresas mundiais. Segundo Helder Barbalho, o Pará vem demonstrando que possui ambiente de negócios favorável para investimentos que oportunizem o desenvolvimento econômico atrelado à preservação da natureza.

Durante sua apresentação, um dos exemplo mostrados foi o do premiado chocolate paraense que esteve entre os 50 melhores do mundo no Cocoa of Excellence Awards (Salão do Chocolate de Paris).

“Trouxemos para Suíça o chocolate produzido no assentamento Tuerê, em Novo Repartimento. Premiado em Paris, esse chocolate é um produto feito com sustentabilidade e sistemas agroflorestais, garantindo restauração e renda para o nosso produtor”, escreveu o governador em suas redes sociais.

Em um vídeo divulgado pela Secretaria de Comunicação do Governo do Estado, Helder Barbalho informa que teve a “importante oportunidade” de apresentar o Plano Amazônia Agora, políticas de mudanças climáticas, as ações de reflorestamento e de recuperação de áreas degradas e reafirmar os compromissos do estado do Pará.

“Fundamental destacar que os executivos que participaram demonstram interesse nos sistemas agroflorestais, destacando a importância da rastreabilidade da nossa produção, e é claro o compromisso do nosso estado com a agenda de baixo carbono e os compromissos de zerar a produção de gás carbônico até 2035. Portanto, apresentar isto e fazer um chamamento demonstra a oportunidade que temos da bioeconomia, com o desenvolvimento sustentável e o compromisso de baixo carbono, para o estado do Pará construir um novo modelo de desenvolvimento olhando o presente mas, acima de tudo, garantindo o futuro”, completou.

Palavras-chave

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA