Desemprego no Brasil: taxa entre jovens cai para 15,3%, menor índice desde 2014, mostra IBGE

A título de comparação, em 2022, o índice era de 16,4% no mesmo período. Já em 2014, 13,8%

O Liberal
fonte

No menor patamar para o quarto trimestre desde 2014, a taxa de desemprego entre a população de 18 a 24 anos caiu para 15,3% em 2023, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (16) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), como parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua Trimestral. A título de comparação, em 2022, o índice era de 16,4% no mesmo período. Já em 2014, 13,8%.

VEJA MAIS

image Taxa de desemprego em 2023 atinge mínimo desde 2014: 7,8%, anuncia IBGE
Levantamento também aponta que a população média ocupada atingiu um recorde

image Casal encontra no desemprego oportunidade de empreender e encantar adultos e crianças
Há oito anos em funcionamento, a Unidunitê Kids expande seus negócios em Belém para clientes de todas as idades com a oferta de guloseimas feitas na hora e brinquedos

image Reoneração da folha de pagamento pode gerar desemprego no Pará, aponta CIP
Medida do governo federal prevê o retorno de impostos que foram substituídos em 2011. Objetivo é aumentar a geração de emprego

No último trimestre do ano passado, a taxa de desemprego média do Brasil foi de 7,4%. O Brasil tinha 8,1 milhões de pessoas que procuravam emprego. Desses, 2,3 milhões são jovens de 18 a 24 anos.

Há mais pessoas que procuram emprego na faixa etária de 25 a 39 anos, mas a taxa de desocupação deste grupo é menor. Recuou de 7,1% para 6,9% em um ano. Confira a mudança em cada grupo, na comparação com o quarto trimestre de 2022 e o mesmo intervalo em 2023:

De 14 a 17 anos: de 29% para 28%
De 18 a 24 anos: de 16,4% para 15,3%
De 25 a 39 anos: de 7,1% para 6,9%
De 40 a 59 anos: de 5,3% a 4,9%
De 60 anos ou mais: de 3,4% a 3,5%

Mulheres são maioria

Na relação por sexo, analisada pelo IBGE, a taxa de desocupação foi de 6% para os homens e 9,2% para as mulheres no último trimestre de 2023. Entre os dois grupos, as taxas são as mais baixas desde o mesmo período de trimestre de 2014. Em números, a desocupação entre homens caiu de 3,9 milhões para 3,7 milhões entre homens e de 4,7 milhões para 4,4 milhões entre as mulheres.

Cor da pele

Já a taxa de desocupação entre as pessoas pretas caiu de 9,9% para 8,9% em um ano. Entre pardos, recuou de 9,2% para 8,5% no mesmo período. Já entre brancos caiu de 6,2% para 5,9%.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Economia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA