Marcelo Magno, jornalista que apresentou JN ao lado de Priscilla Castro, apresenta melhora

Magno diagnosticado com coronavírus está consciente e deve deixar a UTI em breve

Redação Integrada com informações da Veja

O jornalista Marcelo Magno, de 37 anos, diagnosticado com coronavírus apresentou melhora nas funções pulmonares. As informações foram divulgados em boletim médico após radiografias. O jornalista de Teresina (PI) apresentou no início deste mês o Jornal Nacional (JN) com a apresentadora paraense Priscilla Castro. Ele permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Teresina. Em nota o Jornal Nacional informou nesta segunda-feira (23) que o jornalista está consciente, deve deixar a UTI em breve e deve ir para um quarto.

Marcelo Magno da TV Clube, afiliada da Rede Globo no Piauí, está com pressão arterial normal, sem febre e com boas funções renais. O jornalista continua respirando com a ajuda de aparelhos. A expectativa dos médicos é que nas próximas 24 horas, se o quadro continuar evoluindo, o hospital poderá reduzir a ventilação mecânica.

Magno foi internado há quase uma semana, na última quarta-feira (18). Os médicos decidiram intubar para uma recuperação mais rápida. De acordo com comunicado no Jornal Nacional, Magno pode ter contraído o vírus no aeroporto, depois de ter assumido a bancada do JN no Rio de Janeiro, no dia 7 de março. O rodízio de apresentadores feito pelo programa jornalístico agora está suspenso. 

Televisão
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM CULTURA